Arquivo da tag: Surrealismo

Frida Kahlo parisiense

It Girl argentina, fashionista, boêmia, artista e libertina, essa foi Leonor Fini, considerada por muitos a “Dalí fêmea” ou a versão parisiense de Frida Kahlo.fini boêmia

Porém atualmente seu nome e sua história são desconhecidos pela maioria, até mesmo em Paris, onde viveu maior parte de sua vida,  dominou o mundo das artes e foi umas das raras mulheres a embarcar no movimento surrealista, que até então era dominado por homens.

Leonor nunca teve formação artística, adolescente ainda na Argentina, desenvolveu uma grave doença ocular e passou meses de olhos vendados, quando curada começou a expressar a criatividade e visões que teve durante a cegueira. Assim que mudou-se para Paris logo ingressou no mesmo círculo artístico que Salvador Dalí e Picasso.fini pintora

Em pouco tempo, o mundo da arte estava encantado com o erotismo de Leonor. Um trabalho sem remorso que começou a ser exibido ao lado de outros grandes nomes surrealistas.5357580c0e7c1caab64b7e7c2011dca0 leonor-fini-estampes-lithographies-1976-lecon-de-botanique leonor-fini-peintures-huiles-1984-les-carcans

Uma feminista antes de seu tempo, feroz e independente, Leonor trilhou seu próprio caminho e se projetou também para o mundo da moda. Estava constantemente em destaque frente a diversos holofotes com suas roupas extravagantes, aparecendo em todas revistas de todo o mundo. A imagem de Leonor como It Girl foi muitas vezes mais destacada que sua própria arte.

7dad0b2ced8ab0acb8d72c93d6b582bf f2467426fe181b4daccad5fde9a3ba94

E criou sets elaboradíssimos para teatros e óperas. Além de ser a mente criativa por trás do frasco de perfume icônico de Elsa Schiaparelli’s “Shocking”, que pouco tempo depois se tornou a inspiração indiscutível de outros famosos frascos de perfume.ac3e64786b633b3cd82eaf04f467802a Elsa4-652x489

Até sua morte, em 1996, Leonor viveu em seu apartamento parisiense, com dois amantes e seus 17 gatos persas, no fim de sua vida suas obras nada valiam, porém hoje sua arte, ainda lembrada por poucos, é celebrada por sua genialidade e delicadeza.cc5ad3b85b427501a4966d79750118f0

*

Por Mayara Behlau, professora do Núcleo de Criação da Sigbol Fashion

Referências: 1 e 2

A arte e a Moda

Diferentes movimentos artísticos, dos contemporâneos aos clássicos, dos mais controversos aos convencionais, proporcionam um amplo campo à criatividade dos designers e confirmam esta tendência para o verão 2015, como uma das mais importantes dos últimos tempos.

painel1

Agora é interessante termos conhecimento de quando a arte começou a influenciar as criações dos designers. Vale a pena lembrar,das criações desenvolvidas por Elsa Schiaparelli, que pode ser considerada uma das primeiras criadoras de moda a fazer parceria com artistas como Salvador Dali. O surrealismo fez parte de algumas peças conceituais de Elsa nos anos 30 e também foi referência de inspiração nas criações da atualidade.

foto 7

Nos anos 60, Yves Saint Laurent desenvolveu uma coleção inspirada nas obras de Mondrian, hoje essas peças são super modernas.

painel2

A arte é um veículo de inspiração de longa data e ainda é uma fonte rica para novos produtos.

painel3

 

*

Por Elizangela Gomes, professora de Desenho de Moda do Núcleo de Criação da Sigbol Fashion

Referências: 1, 2, 3, 4, 5 e 6

Creative Friday – Salvador Dalí

Grande percursor das vertentes chaves para a expansão do Modernismo no século XX, Salvador Dalí (1904-1989) se aventurou pela desconstrução da Arte Clássica através do dadaísmo, impressionismo e cubismo, porém foi no surrealismo que encontrou a válvula de escape para expressar a essência de suas obras.

598px-Salvador_Dali_A_(Dali_Atomicus)_09633u

Usando da liberdade onírica, seus quadros, ilustrações e rascunhos geram discussões e opiniões diversas acerca de seus significados, principalmente quando levamos em conta as bases da psicanálise freudiana, já que Dalí e Freud eram colegas, tendo sido o primeiro fortemente influenciado pelo segundo em seus trabalhos.

“Morphologie” do crânio de Freud feita por Dalí nos anos 1930.
“Morphologie” do crânio de Freud feita por Dalí nos anos 1930.

Dalí fez grande diferença também no mundo da Moda, em parceria com a estilista Elsa Schiaparelli, na década de 30, e até hoje tal parceria ainda se faz presente entre ícones fashionistas, como a cantora Lady Gaga.

gaga

painel

Apresentamos a vocês um dos gênios mais loucos da história! Salvador Domingo Felipe Jacinto Dali i Domènech!

Salve Dalí!

2774743_oeli haranin marjorie may paola pri talita

 

tumblr_munfgx3RUq1sl2wfso1_400