Arquivo da tag: shoes

Louboutin apresenta: O luxo dos materiais de descarte

O tema sustentabilidade ainda está em alta no mundo fashion, e para provar que as discussões vem gerando grandes mudanças e repercussão global a marca Christian Louboutin acaba de lançar a nova coleção de inverno 2018 que resgata materiais usados no processo de criação do ateliê.

A coleção “Loubi in Progress” conta com sapatos, bolsas e carteiras lindíssimas feitos com nada menos que plástico, fita métrica, papel kraft entre outros materiais, que em vez de ficarem “escondidos” dentro dos acessórios ganham protagonismo nas peças.

O interessante nessa inciativa é refletirmos que o luxo não necessariamente precisa estar ligado a matéria-prima, afinal quem recusaria um Louboutin mesmo feito com materiais descartáveis?

*

Por Karine Holzmann, professora do Núcleo de Criação Sigbol Fashion

Referências: 1

 

A história do cadarço

Foto 1Cadarço: um cordão usado para prender os sapatos e ajustá-los ao pé. São compostos de um determinado número de fios longitudinais (urdume) e transversais (trama), além de possuir um acabamento chamado de ourela ou canutilho. Siiiiimmmmm, um pouco parecido com os tecidos planos.

Slip On

O cadarço se tornou muito popular apenas no século 20. Anteriormente, os sapatos eram do estilo “slip-on” (do tipo em que escorrega o pé para dentro do sapato), amarrado ou abotoado. Mas como assim abotoado? Antigamente os sapatos eram fechados com botões e para isso era preciso a ajuda de um instrumento especial que facilitava o fechamento por meio de ganchos.

ImagemNão se sabe ao certo quando o cadarço surgiu, pois os sapatos eram feitos de materiais que se deterioraram rapidamente. Mas existem alguns registros arqueológicos usados pelo homem primitivo da idade do Bronze, um simples emaranhado de pedaços de couro ou grama presos à alguma forma de cordel, feito de couro e cadarços feitos de corda e lascas de cal.

Pre historyQuanto aos sapatos, no sentido em que nós os conhecemos hoje, o Museu de Londres tem exemplos documentados de calçado medievais datados do século XII, o que demonstra claramente o cadarço passando por uma série de ganchos ou ilhoses na frente ou lateral do sapato.

FashionO inventor do cadarço moderno é supostamente Harvey Kennedy, mas diversas formas apareceram em várias épocas da história. Podem ser feitos de couro, algodão, juta ou de outros materiais utilizados na fabricação de cordas. Nos modernos eram incorporadas diversas fibras sintéticas, porém são mais escorregadias e desfazem o laço facilmente. Para que os fios fiquem bem presos, são utilizados canutilhos, facilitando também na hora de transpassar no sapato.

Hoje existem diversos tipos de cadarços e formas de amarrar e a gente te dá algumas dicas criativas:Dicas

*

Por Paola Sanguin, professora do núcleo de criação da Sigbol Fashion

Referências: 1, 2, 3, 4, 5, 6, 7, 8, 9, 10, 11, 12, 13, 14, 15.

Manual de História da Moda Sigbol Fashion

Moon Boots are back!

Enquanto a maioria da humanidade (ok, do Brasil, vai!) ainda está às voltas com os looks de verão (porque, né? Muito calor nessa vida… ou nessa São Paulo, no mínimo!), aqui na Sigbol já estamos secas pelas novidades do próximo inverno. E eis que surgem em nossos radares um acessório que havia sumido já há bastante tempo (e que algumas de nós já possuíram com muito orgulho, cof, cof…), a bota. Oi? Profeeee, bota e inverno são redundância. Sabemos… mas o diferencial é o tipo: com vocês, o retorno baphônico e triunfal das queridas (nos anos 70 e 80!) Moon Boots!painel

Voltaram aos poucos, discretas (ok, nem tanto), aos pés da it girl Olivia Palermo… Delicadinhas assim, em amarelo fosforescentes… mas ainda assim aceitáveis por estarem em uma estância de esqui. Como proteção dos nossos pezinhos no inverno, nunca saíram de moda, certo? Mais ou menos, diríamos. Por um bom tempo, perdeu o posto para as também temidas UGG boots (que, vamos e venhamos, em aparência, não ficam atrás das moon boots). Mas como rainha que é rainha nunca perde a majestade, voltaram arrasando corações. Mas para explicarmos sua volta, precisamos explicar as origens.painel1

As primeiras surgiram nos anos 70, pelas mãos da Tecnica Group (marca, inclusive, responsável pelas botinhas de Mrs. Palermo). O designer Giancarlo Zanatta, inspirado pelas botas usadas pelos astronautas da Apollo 11 (aqueles, famosos, que pisaram na lua), criou sua própria and confortável versão. Sumiram rapidamente, lá pelos anos 80. Ressurgiram em meados de 2000, usadas pelas celebridades da época “pareada” com as camisetas da Paul Frank (não lembra da marca? Procure pelo logo do macaquinho, aquele que dividia os holofotes com o macaquinho da Kipling!). Sumiram de novo, e as demais aparições nunca mais foram bons exemplos de styling: associadas à fase pajamas-party-endless de Paris Hilton, lá em meados de 2007. Lembrou agora? Então, seguindo…painel2

Mas como, então, a trendy retornou? Respondemos:  o ano de 2010 marcou o 40º aniversário das botinhas, e em comemoração, a marca decidiu investir na modernização das mesmas: daí vieram os modelos com pegada mais futurista, e com a divisão das palmilhas em pés direito e esquerdo (as antigas, até então, podiam ser usadas em qualquer pé). Neste passo (trocadilhos infames à parte…), a marca realmente investiu mais um pouco para que as botas deixassem o limbo de “sapatos para esqui” e se tornassem sapatos pro dia a dia em locais frios. Com esta idéia em mente, a marca buscou parceiros como Jimmy Choo, Louis Vuitton, Moschino, Dior, Corso Como (cujo modelo, pessoalmente falando, estarei cobiçando pelos próximos meses!), e outros tantos designers, para criação de botas mais fashion. Além disso, em busca de diversidade de clientela, fecharam parceria com a Disney (cujo resultado você já pode conferir no site da marca, inclusive!), para fabricação de botinhas inspiradas no universo de Star Wars, lançadas em tempos de propagandas de estréia do filme, para que você já possa usar seu modelito favorito (como adoro R2D2, a idéia da botinha dele seria minha escolha) durante o lançamento do filme.painel3

Para quem também ama UGG boots, não é difícil imaginar que eu totalmente usaria moon boots (hellooo conforto!), mas e você? Vai entrar nessa? Conta pra gente nos comments!foto 19

*

Por Haranin Julia Maria, professora do Núcleo de Criação da Sigbol Fashion

Referências: 1, 2, 3, 4, 5, 6, 7, 8, 9, 10, 11, 12, ,13, 14, 15 e 16