Arquivo da tag: Padronagens

Como cortar e costurar tecidos listrados e xadrez?

Você provavelmente já notou na costura na lateral de uma peça listrada ou xadrez. Ela pode ser ou não agradável aos olhos, tudo depende da sintonia. Mas por que isso ocorre?

Para entendermos melhor, vamos começar por cada etapa da montagem da peça. A primeira é a modelagem, onde o modelista receberá o layout da peça, desenvolverá a modelagem e determinará o sentido do fio em cada uma das partes, o que interferirá diretamente na direção das listras (vertical, horizontal, ou viés). Caberá a ele modelista indicar o ponto exato de encontro das listas em cada uma das partes da peça.

A mesma coisa acontece com diversas padronagens, xadrez, pied de poule, etc… é por isso que é necessário sempre estar atento ao encaixe e a costura da peça. Esse detalhe pode agregar um grande valor a peça.

Em nosso curso de Especialização em Costura sob medida, você aprende a desenvolver esse processo. Conheça nosso curso:

*

Por Paola Sanguin, professora do núcleo de criação da Sigbol Fashion.

Referências: 1, 2, 3, 4, 5.

Thais Marins Beloso

Os famosos xadrezes e padronagens que fizeram história.

Graças a estilistas renomados estes padrões se tornaram icônicas e foram copiados por todos no mundo da moda. Vamos relembrar um pouco da história de algumas padronagens que marcaram grifes famosas.

A Burberry escolheu o xadrez tartan que era parte da cultura do Reino Unido por apresentar clãs escoceses. Em 1924 a marca criou a padronagem em bege, branco,preto e vermelho. Ela aparecia, no forro dos casacos da Burberry, principalmente o trench coat. Com o tempo, a estampa virou identidade da grife e foi utilizada em vários produtos ( guarda-chuvas,cachecóis e outros acessórios.

painel 1

A Louis Vuitton criou um monograma, as flores que estampam acessórios e malas da marca foram criados em 1896 para impedir a falsificação dos produtos do artesão francês Louis Vuitton no resto da Europa. Inicialmente a padronagem era restrita ao interior dos produtos de couro,com o sucesso da grife, ela acabou estampando a parte de bolsas da moda.

painel 2

Em 1967 a Missoni desenvolveu pela primeira vez a estampa geométrica, criada a partir do experimento de Ottavio e Rosita Missoni que usaram maquinas de tecelagem para criar formas triangulares multicoloridas. Na época a padronagem foi tida, como uma obra de arte e se tornou ícone da grife italiana.

painel 3

Em 1950 Emilio Pucci criou uma padronagem multicolorida e geométrica ou em forma de amebas, nesta década ele ficou conhecido como o príncipe das estampas.  Esta padronagem se tornou a identidade visual da grife.

painel 4

O xadrez estilo “pé de galinha” ( pied de poule), já que a imagem criada pelo entrelaçamento dos fios de urdume são semelhantes aos pés de uma ave, nos séculos 19 e 20 foi muito usado pela aristocracia britânica. Mas essa padronagem foi eternizada no mundo da moda pela francesa mademoiselle Coco Chanel, que a usou em suas peças femininas, revolucionando o vestuário dos anos 1920.

foto 14pied-poule-3

*

Por Elizangela Gomes, professora do Núcleo de Criação da Sigbol Fashion.

Referências: 1234567891011121314 e 15.

 

 

Estampas e Padronagens Famosas

Existe no mercado uma variedade infinita de tecidos, mas os estampados sempre chamam mais a atenção.

Estampa segundo o Dicionário da Moda da Sigbol Fashion é: processo ou reprodução de imagens ou textos, sobre superfícies planas ou curvas, papel, pano, vidro, metal, etc.

Padronagens segundo o Dicionário da Moda da Sigbol Fashion é: obtida através do ligamento, que consiste no modo como o fio de urdume é ligado ou cruzado, com os fios de trama.

Entre estampas e padronagens, existem algumas que conhecemos, compramos há anos e nunca nos preocupamos com seu nome, mas na hora de comprar é difícil fazer o vendedor entender qual tipo que você está atrás.

Vamos citar as mais conhecidas, para que da próxima vez que você for comprar tecido, chegar com o nome certinho da estampa, facilitando a vida do vendedor e a sua.

As padronagens e estampas não são apenas desenhos e entrelaçamentos aleatórios, elas também têm uma história e uma tradição por trás de cada risquinho.

  • Poá

painel

Ainda é um mistério sua origem, há quem diga que surgiu junto aos imigrantes do leste europeu recém-chegados da América em meados do século XIX, juntos com os imigrantes também veio o ritmo musical polka, que era o sucesso da época, para combinar com seu  ritmo alegre, resolveram fazer uma estampa que remetesse essa alegria da Polka (daí, “polka dots”, que quer dizer Poá em inglês) Outras versões dizem que o criador do Poá foi Walt Disney como popularizador da estampa, ao desenhar a ratinha mais famosa do mundo, Minnie Mouse e sua saia e laço de bolinhas.

  • Xadrez Príncipe de Gales

painel1

Essa padronagem é bem famosa, e ficou conhecida graças ao príncipe de Gales de 1936 Eduardo VII, quando ainda era príncipe de Gales. Antigamente era utilizado mais na moda masculina, mas hoje em dia as mulheres também adotaram esse padrão.

  • Xadrez pied-de-poule/ pied de coq

painel 3painel 2

Chamada de estampa “pé de galinha” por ser um tipo de xadrez miudinho que se assemelha com as pegadas de uma galinha.

Caso esse xadrez seja maior o nome passa a ser “pied-de-coq (pé de galo)”.

  • Estampa Liberty

imagem 9 imagem 10

É uma estampa de floral bem miudinha, popularizada e criada por Arthur Liberty da loja “Liberty of London” em meados de 1861.

  • Vichy

painel 4

É um xadrez pequeno, com a cor branca e uma segunda cor geralmente puxada para tons pastel, conhecido como o xadrez de toalha de mesa, sim aquelas de piquenique. O nome teve como inspiração a cidade de Vichy na França, famosa pela produção de xadrezes. Esse estilo de xadrez ficou mundialmente famoso quando Brigitte Bardot usou no seu casamento com Jacques Charrier.

  • Xadrez Burberry

painel 5

Padronagem tradicional Inglesa, geralmente nas cores bege, vermelho e preto, tem mais de 80 anos de história e surgiu no inicio como forro das capas de chuva da marca Burberry, em 1924, e hoje é usada para várias peças de vestuário inclusive sapatos e bolsas.

  • Estampa Cashmere

painel 5

Desenho criado nos altos vales da Caxemira, no Himalaia. Seu nome original, no entanto é “safavidia”, e surge na Pérsia do século XIV, como ornamento, durante a disnastia Safavid (1501-1736), sua forma de semente ou gota era utilizado em composições florais. Os artesãos de lá teciam em teares com 2 ou 3 mil fios de uma lã finíssima, conhecida por cashmere. A padronagem se fez visível e se popularizou nos anos 70 com os hippies.

  • Estampa Tartan

painel6

Sem muitas apresentações é a estampa que caracteriza os escoceses, sua forma de cruzamento pode variar, já que antigamente para cada família nobre do norte das Ilhas Britânicas era criado um padrão de estampa diferente e sua forma de cruzamento remetia a cada clã da época.

  • Chevron: Espinha de Peixe

painel 7

Padronagem obtida pela tecelagem de fios de lã, algodão, seda e linho, parecida com forma de letra V, em zig zag, que da a impressão de se tornar uma espinha de peixe.

  • Xadrez Argyll

imagem 24painel 8

Padrão de losango multi coloridos, inspirados no tartã do clã escocês Argyle, antigamente tricotado à mão na Grã-Bretanha. O padrão argyle é frequentemente encontrado em meias, cachecóis e suéteres.

*

Por Andreia de Araujo, coordenadora do Núcleo de Modelagem da Sigbol Fashion

Referencias: 12345678910111213141516171819202122 , 23 e Dicionário da Moda da Sigbol Fashion.