Arquivo da tag: grunge

O anti-fashion “glunge”

Rick Owens é atualmente um dos nomes mais polêmicos e talentosos no mundo da moda, a cada temporada renova sua estética e desconstrói os limites do meio fashion.

O estilista californiano nasceu e cresceu em um ambiente rural religioso do qual o mesmo afirma lembrar-se apenas das histórias e figurinos bíblicos. Atualmente Rick vive e trabalha no centro de Paris juntamente com sua esposa e inspiração Michele Lamy.

giphyA sua relação com Michele começou há mais de 20 anos, desde a época em que ele trabalhava criando estampas na fábrica que ela tinha em Los Angeles. “No final dos anos 90, depois que Rick largou as drogas e o álcool, foi Michele quem o salvou”, relembra o próprio.

Michele é francesa, ex-proprietária de um restaurante com inspiração nos antigos cabarets e ex-frequentadora das noites undergrounds de Los Angeles.

Seu estilo é excêntrico, conhecida por suas jóias conceituais e exacerbadas que enfeitam seus dedos tatuados. Rick a define como uma esfinge inspiradora de estilo glunge (glamour com grunge) que age de acordo com os seus instintos.
Michele-Lamy MY9Wjn

O casal Rick Owens e Michele Lamy construiu o seu império vendo beleza na imperfeição das coisas,  uma grife cultuada do cenário underground anti-fashion, que enfatiza uma mensagem liberta de dogmas de beleza.

*

Por Mayara Behlau, professora do Núcleo de Criação da Sigbol Fashion.

Referências: 1 e 2

Grunge Light

PAINEL - GRUNGE LIGHT

Nos últimos desfiles do NYFW, um novo estilo ficou em destaque, o Grunge Light que une peças delicadas com botinhas e tênis. Do confortável ao esporte chic são apostas da última temporada do NYFW, looks sofisticados com tênis e botas traz de volta o novo grunge ou grunge light, onde a moda despojada coordenada com sneakers e botinhas, rompe a graça e a beleza de vestidos ultrafemininos.

foto 1 foto 2

As peças delicadas confeccionadas de renda, seda, metalizado e floral coordenados com sapatos esportivos tira o ar de ingenuidade.

foto 3 foto 4

Várias marcas apostaram nesta tendência “grunge suave” na semana de moda em Nova York para o inverno 2017.

foto 5 foto 6 foto 7

*

Por Elizangela Gomes, professora do Núcleo de Criação da Sigbol  Fashion.

Referências: 123456789 e 10.

 

 

Dicas de Customização

Há tempos essa tendência vem nos revisitar para deixar o velho básico com cara de novo ousado e estiloso; o Destroyed.

Se você ainda sente receio em usar algo assim, a gente te ensina como combinar sem causar polêmica aqui!

Seguindo essa ideia Marina Dias, modelo, atriz, DJ e dona da marca Submarina 076, tem o destroyed como inspiração, levando-o a outro nível, muito além de tendência, usando também a técnica distressed, que além de destruir envelhece as peças.

Sem título

A técnica para tal resultado é feita minuciosamente para que o desgaste fique natural.

0b6ae02ca60a23ae278406a21f0c9826 802c38aa6e3cf46f71392440161b8f07 ab13d066aeaf877221234d5380092878

Mas se você destruiu demais a peça ou a comprou e um tempo depois a achou exagerada e chamativa pelos desgastes aqui vão algumas dicas para um destroyed minimalista:

  • Utilize um retalho do mesmo tecido da peça que você deseja reparar (de preferência mesmo tecido, cor e textura)
  • Cole-o (na parte avessa da peça)
  • Depois passe costuras aleatórias para firmar um tecido no outro e além de ser um charme  que disfarça a peça com um destroyed exagerado.

jeans gif 1

jeans gif 2 jeans gif 3 jeans gif 4 jeans gif 5

Outras dicas e ensinamentos de como transformar o velho em novo ou até mesmo o novo em velho você encontra no nosso Curso de Customização, aprenda a fazer acessórios, estampas, bordados, e muitas, muitas outras coisas.

*

Por Mayara Behlau, professora do Núcleo de Criação da Sigbol Fashion

Referências: 12 e 3

Tribos Urbanas – 9: Movimento Grunge.

painel 1

O Movimento Grunge surgiu no final da década de 80 em Seattle (EUA), quando era necessário surgir um novo ritmo autêntico para o rock, afim de atingir os corações mais “undergrounds” e também os mais “pops“.
Assim como as outras contraculturas os grunges abominavam qualquer padrão ou rótulos, e no estilo musical tentaram ser tão diferentes que acabaram por criar um rótulo novo (estilo).
Ma este estilo musical só se tornou comercialmente conhecido no início da década de 1990, com a banda Nirvana.

Como toda subcultura vira life style, com esta não poderia ser diferente. O termo grunge – que significa “sujeira” ou “imundície” na língua inglesa – descreve tanto o estilo visual (cabelo desgrenhado, roupas velhas e folgadas) de bandas e fãs, quanto o som distorcido das guitarras que dão o ritmo às músicas.

Hoje em dia este estilo “podrinho” (chamado carinhosamente pelos adeptos ao estilo), é considerado cool entre os jovens.

Meninos & Meninas:

12 painel 3PAINEL 4

 

  • Camisetas de bandas (amassadas, rasgadas e desbotadas);
  • Croppeds soltinhos de algodão;
  • Camisasde flanela quadriculadas e/ou jeans;
  • Jaquetas jeans (aqueles achados de brechó);
  • Jeans destroyed;
  • Shorts jeans destroyeds;
  • Bolsas de couro (com aspecto envelhecido);
  • Toucas de lã;
  • Botas solado tratorado;
  • Tênis sujos;

Os grunges apoiam “o feio, o pobre, o sujo”, em oposição ao glamour. Pode contar, já saiu arrasando com o estilo grunge e nem sabia que ele surgiu nos anos 80, né?

Nós aqui da Sigbol adoramos o estilo “podrinho” e você?

*

Por Crislaine Lima, pofessora do Núcleo de Criação da Sigbol Fashion.

Referências: 12345678910.

Manual Arte de Vestir Sigbol Fashion.