Arquivo da tag: design

A arte inspirando a moda: Fusión, a nova coleção de Maria Dolores.

“A arte inspira a vida ou a vida inspira a arte?” Na minha opinião é um pouco dos dois, a inspiração pode ser encontrada na história, na arte, em um gesto ou mesmo em uma palavra e com a moda isso não é diferente. É uma parceria, uma eterna troca.

A transição entre a arte e a moda é sutil e vimos inúmeras vezes designers e marcas buscarem inspiração nos artistas que marcaram a história da arte. A design brasileira Maria Dolores não é exceção e em sua nova coleção “Fusión”, ela aposta nas formas e cores do artista catalão Juan Miró.

As peças inusitadas brincam com a pincelada expressiva do artista surrealista que criava obras carregadas de simbolismo. A coleção conta com brincos, colares e pulseiras de tamanho máxi e será lançada dia 5 de setembro na própria Fundação Miró. No entanto, as joias já estão à venda nas lojas e na internet.

*

Por Karine Holzmann, professora do Núcleo de Criação Sigbol Fashion.

Referências: 1

Design de Moda: O diferencial das empresas.

O design de moda é um fator determinante para agregar valor aos produtos e às marcas, auxiliando no crescimento da empresa, principalmente no setor têxtil. 

Ele também contribui com as exportações das companhias que investem nesta cultura empresarial.

Para criar é preciso ter fontes de inspiração, que surgem de todas as partes. Desde o comportamento das pessoas nas ruas, das tendências que estão surgindo no mundo, que atualmente visualizamos através de referências pela internet. E nós temos algumas dicas que podem ajudar você na criação:

Uma grande fonte de inspiração é a produção cultural, por isso é importante acompanhar séries, filmes e lançamentos musicais. Informação sobre cores, padronagens e combinações estão hoje em desfiles de moda e sites da internet. Outra forma de conhecer as principais tendências, é seguir as pessoas certas em redes sociais, o maior veículo de comunicação.

A tecnologia pode ser usada não apenas como fonte de pesquisa, mas também um importante recurso para acelerar processos e economizar custos no momento da produção. 

E principalmente, especialize-se na área. Se você deseja se aprofundar na área de design. A Sigbol Fashion proporciona o curso de Estilo para quem deseja se tornar um profissional na área. Conheça um pouquinho mais clicando no vídeo abaixo:

*

Referências: 1, 2, 3, 4, 5.

Por Paola Sanguin, professora do núcleo de criação da Sigbol Fashion

Precisamos falar sobre Zero Waste!

Um dos principais problemas na indústria de confecção de vestuário é o desperdício, milhões de toneladas de materiais têxteis são rejeitados anualmente. De acordo com o Centro Nacional de Tecnologias Limpas as indústrias de confecção de moda e vestuário “geram desperdícios significativos” de restos de processos de corte proporcionados pelo mau planejamento no processo produtivo. Esse desperdício de tecido causa impactos ambientais relacionados à produção da matéria-prima, como consumo/esgotamento de recursos naturais.

É necessário dentro da própria indústria encontrar meios e soluções para a redução de tais resíduos. Uma das soluções é o design zero waste – processo de produção mais limpa constatando novo olhar sobre a prática do design de moda , que visa à minimização do desperdício já nas fases de criação e modelagem, proporcionando nova abordagem ao desenvolvimento de produtos.

e027b252bd17532bb5c7f8f069d3914c

35154ff5b96b826bf4a052d2f8095373

O design zero waste contesta os parâmetros preestabelecidos de corte e modelagem, exigindo que o designer abandone crenças anteriormente realizadas, a fim de avançar em um novo território. O processo convencional de desenvolvimento de produtos de moda as etapas de criação, modelagem, encaixe, corte e prototipação/costura acontecem separadamente, no design zero waste essas etapas ocorrem simultaneamente de forma interdisciplinar. A criação é realizada diretamente por meio da modelagem.

Assim, designers e modelistas devem trabalhar em conjunto, pois se trata de projetar com moldes, em vez de criar moldes para o projeto. Isso permite alterar o formato dos moldes durante a concepção em busca do melhor encaixe possível, o que exige do designer um novo pensamento e olhar sobre a criação e modelagem.

f0ec773b9668d95f7d971d277fb5a124

*

Por Mayara Behlau, professora no Núcleo de Criação da Sigbol Fashion.

Referências: 1

Organizando ideias – Moodboards.

Quando se esta criando, seja uma roupa, um acessório, ou até mesmo algo não palpável como construindo um texto ou escolhendo um público alvo organizar as ideias é o mais importante dos passos, para isso temos os moodboards!

Moodboards são painéis com imagens, palavras, texturas, cores, tudo que possa traduzir uma ideia VISUALMENTE.

Pode ser tanto visual quanto tátil, virtual ou á mão.

3dee4f1247a9db9b760a639377e087fba7b8cdeb7456bde8d27df82689d5b5c6

Para montar o seu basta focar num tema e recolher referências. Após tal processo a criação esta a um passo de ser realizada com êxito.

c1f4a5b7651696373a85103c41c352b9

*

Por Mayara Behlau, professora do Núcleo de Criação da Sigbol Fashion.

Referências: 1 e 2