Arquivo da tag: composição

O futuro é Fashion!

O cenário da moda vai além das tendências, estuda acima de tudo a sociedade e seu comportamento futuro.

Resultado de imagem para future fashion

Esta previsão se baseia por meio de comparações entre o passado, identificando quais provocaram alteração ao longo da história.

O objetivo é conhecer as necessidades futuras da humanidade, antecipando consequências de atitudes atuais e identificando oportunidades, para diminuir riscos na decisão de projetos.

Imagem relacionada

Assim como as tendências, a vista futura da moda são lançadas a todo tempo, já que o processo está cada vez mais acelerado devido aos meios de comunicação.  É por isso que o mercado precisa estar a par das tendências e novas tecnologias, há quem deseje converter esse papel do consumo rápido através da sustentabilidade e da conscientização . Mas até lá o futuro, apesar de incerto, é Fashion!

*
Por Paola Sanguin, professora do núcleo de criação da Sigbol Fashion

Referências: 1, 2, 3.

TECIDOS DE MALHA E SUA COMPOSIÇÃO

Para quem tem dúvidas sobre os tecidos de malha, e não sabe ao certo qual tecido escolher para fazer determinada peça de roupa, vamos tentar entender um pouco sobre como cada malha é composta, e a partir disso você poderá escolher melhor qual se adéqua ao modelo desejado, em questão de conforto, toque, textura, etc…

ARRASTÃO

PAINEL 0

Composição: 100% poliéster.

Descrição: malha larga e aberta.

Uso: meias-calças e casacos.

SUPLEXPAINEL 1

Composição: 86% poliamida e 14% de elastano.

Descrição: tecido flexível e macio, bastante resistente e com ótimo caimento.

Uso: Roupas esportivas, blusas.

CROCHÊ

PAINEL 2

Composição: 100% poliéster.

Descrição: Malha por urdume que usa variados pontos de crochê manual.

Uso: toalha de mesa, decoração, aviamentos.

 VISCO LYCRA

PAINEL 3

Composição: 96% viscose, 4% elastano.

Descrição: Tecido liso, leve e com grande elasticidade. Tem ótimo caimento e dependendo da cor pode ser meio transparente. (use forro)

Uso: vestidos, blusas, saias e roupas de verão.

MALHA RETILÍNEA

PAINEL 4

Composição: 88% poliamida e 12% elastano.

Descrição: Tecido com formato de laçadas. Geralmente feita com fio tinto.

Uso: Gorros, casacos, luvas.

JERSEY

PAINEL 5

Composição: 100% poliéster.

Descrição: tecido de malha circular ou retilínea muito maleável e escorregadio, confeccionado em lã, seda, algodão ou fio sintético.

Uso: Lingerie, decoração, vestido

 

PIQUÊ de MALHA

PAINEL 6

Composição: 67% poliéster e 33% de viscose.

Descrição: Técnica originalmente manual que usa o tecido para fazer matelassê.

Uso: acabamento em punhos e golas, vestidos e chapéus.

MOLETOM

PAINEL 7

Composição: 75% algodão e 25% poliéster

Descrição: malha de lã, macia, quente, flanelada dos dois lados, que aliada a um processo de peluciamento oferece maior aquecimento ao corpo.

Uso: moletom, estofamento, roupas de inverno.

PLUSH

PAINEL 8

Composição: 80% algodão e 20% poliéster.

Descrição: tecido macio de algodão semelhando ao veludo.

Uso: adornos em punhos e golas, vestidos, aventais, chapéus, pantufas.

HELANCA

PAINEL 9

Composição: 100% poliamida

Descrição: tecido elástico feito com fio texturizado  de poliamida.

Uso: bermudas, calças, roupas de criança.

MEIA MALHA

PAINEL 10

Composição: 100% algodão

Descrição: tecido de simples frontura (pente) feito em máquinas circulares construído com um ligamento mais simples.

Uso: todo tipo de confecção.

 *

Por Cynara Gomes, professora do Núcleo de Modelagem da Sigbol Fashion.

Referências: 123456789,10111213141516171819202122 e 23.

Decifrando as etiquetas

Você já pensou se damos a real importância para a etiqueta de nossas roupas? Sabemos que muitos de nós nem ao menos paramos para observá-las, e, algumas vezes, inclusive as arrancamos, pensando somente no desconforto que ela pode causar, esquecendo-nos da sua real importância e finalidade. Para quem não sabe, as etiquetas contém informações importantes para lavagem, secagem e preservação de cada peça.

Por mais que se dê a atenção merecida, será que você sabe decifrar os símbolos contidos nela? Provavelmente não, e exatamente por esse motivo criamos uma lista descriminando cada um deles, que são normalmente apresentados por colunas:

A primeira coluna refere-se a LAVAGEM:

foto 1Lavagem manual ou por meio de máquinas.

 

foto 2A numeração refere-se à temperatura máxima permitida. Um traço embaixo, indica que a roupa é delicada, e deve ser lavada no ciclo suave.

foto 3
Com dois traços, indica processo muito suave e sem torção.

foto 4

Lavagem manual.

 

foto 5

Não deve ser lavado com água.

 

 

A segunda coluna refere-se ao BRANQUEAMENTO ou ALVEJAMENTO:

foto 6
Roupa que suporta alvejante com cloro.

foto 7

Utilizar alvejante sem cloro.

 

foto 8

Não alvejar.

 

 

A terceira coluna refere-se à SECAGEM:

foto 9

Permitido centrifugar.

 

foto 10

Permitido centrifugar, e o ponto central indica que a temperatura máxima é de 40ºC.

 

foto 11

Permitido centrifugar na temperatura máxima de 50ºC.

 

foto 12

Permitido centrifugar a altas temperaturas, até 77°C.

 

foto 13

Não centrifugar.

 

foto 14

Secar em varal vertical.

 

foto 15
Secar na vertical (assim como os traços) por gotejamento, ou seja, sem torção prévia da peça.

foto 16

Secar na horizontal, sem secar.

 

 

A quarta coluna refere-se à PASSAGEM:

foto 17

Passar na temperatura máxima de 110ºC.

 

foto 18

Passar na temperatura máxima de 150°C.

 

foto 19
Passar na temperatura máxima de 200°C.

 

foto 20
Não passar.

 

A quinta e última coluna refere-se à LAVAGEM A SECO:

foto 21

Lavagem à seco.

foto 22

Não permitida lavagem à seco.

 

foto 23

Lavagem a seco, e permitido uso de qualquer solvente.

foto 24

Lavagem a seco, com percloretileno

 

foto 25
Lavagem a seco com hidrocarboneto

foto 26
Limpeza a úmido, profissional.

 

Basta agora seguir as regras para manter suas roupas tão queridas por muito mais tempo em ótimo estado!

*

Por Nayara Diniz, professora do Núcleo de Modelagem da Sigbol Fashion.

Referências: 1