Arquivo da tag: coleção

O estilista e a harmonia criativa

Ao criar uma coleção, o designer de moda precisa manter uma união visual entre as peças, pode ser a partir de uma forma ou um tema. Através disso ele apresenta métodos diferentes como: forma de costura e acabamentos, texturas, aplicação de pedrarias e bordados, estampas, recortes, tecnologia, etc. O designer utiliza esses meios diversos para evitar que tudo fique extremamente igual.

Camille_Walala_Wall_3.jpg

Os estilistas de moda procuram encontrar clareza e foco na criação da coleção, além de prever a interpretação do expectador. Para que esse conjunto funcione é preciso uma metodologia no processo de criação. Não se cria simplesmente, há todo um processo de pesquisa, conhecimento de mercado da marca, temas propostos e tendências em geral.

Em nosso curso de estilo, você aprende a desenvolver coleções, e se aperfeiçoa para o mercado de trabalho. Confira mais em nosso vídeo:

*
Por Paola Sanguin, professora do núcleo de criação da Sigbol Fashion

Referências: 1, 2, 3, 4, 5. Apostila de Estilo Sigbol Fashion

Planejamento de coleção

Para se criar uma coleção de moda, não basta apenas desenhar e costurar, existe uma equipe inteira por trás dos bastidores que fazem toda a mágica acontecer, com muito estudo e dedicação para que chegue da maneira mais impecável aos seus clientes.

Vamos entender como ocorre o passo a passo.

1. Pesquisa

Tudo começa através de pesquisas diversas, partindo das principais tendências, entre desfiles, principais eventos mundiais, filmes, e até mesmo novelas. (Dentre essas informações é importante notar modelagens, tecidos, cores, shapes, estampas, aviamentos, etc.)

1

2. Definir briefing

Além da pesquisa, precisa de um cronograma passo a passo para que saia tudo nos conformes. Com os 4 tópicos a seguir conseguimos ter uma visão de como ficará a coleção e ter uma direção para nos guiar durante todo o processo.

  • Tema de coleção: assim temos uma linha a seguir;
  • Cartela de cores: para se obter uma coleção harmônica;

2

  • Prévia de aviamentos e de tecidos: para facilitar o processo de modelagem.
  • Mix de produtos: aonde irá se formalizar quantas peças (calça, camisa, saia, vestido etc,) por modelo irá compor a colação.

3. Desenvolvimento

Agora é hora de colocar toda essa pesquisa em prática.3

  • Desenho: onde se aplica todas as pesquisas a um croqui, onde fica fácil a visualização de toda a equipe para o desenvolvimento;
  • Modelagem: Todo desenho é chapado, portanto é necessário transforma-lo em tamanho real;
  • Corte e costura: a elaboração concreta da peça ocorre agora, onde o que estava no papel se torna real;
  • Prova: Antes da peça ser reproduzida diversas vezes e em tamanhos diferentes é feita uma piloto para que todos os ajustes necessários sejam corrigidos, entre eles: modelagem, caimento do tecido, tamanho correto, comprimento, etc.;
  • Aprovação e lacração:
  • Ficha técnica: Essa parte é importantíssima para que saia tudo correto na produção, a pessoa responsável por essa etapa tem de avaliar todos os itens que compõe cada modelo da coleção.

A ficha deve conter o máximo de informações possíveis, como consumo e tipos de tecidos, cores, aviamentos (cores e tamanhos se houver), etc.4

Finalizada toda essas etapas, todas as informações são passadas para o PCP (planejamento de controle de produção) onde irão ver a melhor forma de organizar e distribuir o trabalho para as oficinas.

Prontinho agora é só produzir!!!!

gatocostureiro

Por Rafaela Monserrat professora do Núcleo de Modelagem da Sigbol Fashion de São Caetano do Sul.

Referências: 1, 2, 3 e 4

 

O que é Painel de Inspiração?

Todo ano são lançadas novas tendências, estilos, mas antes de chegarem nas passarelas, existe uma linha de raciocínio para justificar os temas, cores, formas, tecidos, cabelos, maquiagem, acessórios  apresentados nas coleções.

foto 1 foto 2 foto 3

 Tudo começa com uma inspiração, para um estilista desenvolver novos produtos é necessário desenvolver várias pesquisas de tendências, em sites de moda, feiras, desfiles, viagem,  arte, cinema, etc…

foto 4 foto 5 foto 6 foto 7 foto 8 foto 10

 O próximo passo é selecionar imagens que irão fazer parte do seu tema.  O tema é uma forma de racionalizar sua inspiração. Os designers desenvolvem um Painel de Inspiração com recortes de fotos, o mesmo também pode ser chamado de Mood Board, Ambiência de Moda, Painel Semântico, Painel Iconográfico ou Painel Temático.

Este painel facilita a visualização das informações ligadas ao tema de inspiração. As imagens podem ser de revista, internet, amostras de aviamentos, tecidos, cartelas de cores, objetos, fotos da moda de rua, modelagens, desenhos e também palavras chaves. Pode ser feito no computador ou manualmente.

foto 9Com o painel pronto, o designer inicia os esboços da sua coleção, depois seleciona os melhores, que serão modelados e pilotados.

foto 11 foto 12Geralmente para cada coleção é necessário um novo painel de inspiração que irá contar com novos elementos de acordo com a estação.

No nosso curso de estilo, ensinamos todo o processo de inspiração para desenvolver uma coleção.

*

Por Elizangela Gomes, professora do Núcleo de Criação da Sigbol Fashion.

Referências: 1234567891011 e 12.

Coleção Cápsula: o que é?

tumblr_nxku0r1ZED1uc268to1_500

A coleção cápsula é uma mini coleção, associada a ocasiões especiais, como datas comemorativas, parcerias com estilistas e celebridades, ou personagens. Não tem nada a ver com a coleção principal e pode ter peças fora da estação, sem depender do tema da coleção principal, normalmente lançadas em lojas de fast fashion.

C 1

C 2

Já a coleção principal depende da estação, Primavera/Verão ou Outono/Inverno. É necessário um tema para que as peças possuam uma relação entre si. Para que todo esse conjunto funcione, é preciso uma metodologia no processo de criação. Há todo um processo de pesquisa, conhecimento do mercado consumidor, da marca e tendências em geral e principalmente: dura por um pouco mais de tempo.

C 3

 *

Por Paola Sanguin, professora do Núcleo de Criação da Sigbol Fashion.

Referências: 1234 e 5.

Apostila de Estilo Sigbol Fashion.

Além dos desfiles de moda.

Todo semestre profissionais da área de moda ficam ansiosos para saber as novas tendências. Poucas semanas antes, é divulgado o calendário dos desfiles de moda onde estilistas apresentarão propostas para a próxima estação.foto 1

Mas o que é um desfile?

O desfile é uma forma de apresentação, onde marcas contam toda a história sobre as inspirações relacionadas à sua coleção. Mas a ideia dos desfiles vai além, de roupas, acessórios, maquiagem, da produção envolvida, de passar o conceito da coleção e gerar tendências, mas com o principal objetivo de estimular desejos nos consumidores.

foto 2 foto 7

Para quem não sabe, esse método de apresentação existe desde o século XIX, quando o criador Charles Frederick Worth, que é considerado o pai da alta costura, foi o responsável por este evento tão importante no mundo da moda.

foto 8

Worth inaugurou a Maison e um sistema, que existe até hoje. No passado, as clientes recebiam uma costureira em casa para desenvolver seus vestidos. Worth mudou tudo isso, suas clientes iam até a Maison para tirar suas medidas e assim ele criava uma pequena coleção. Como ele era um visionário da época, teve a brilhante ideia de criar coleções sazonais e apresenta-las às suas clientes. Assim ele criou a profissão de modelos que o mesmo chamava de sósias, pois as mesmas se pareciam com suas clientes.

foto 3 foto 4 foto 5 foto 6

Hoje o desfile é uma forma de apresentar acessórios, roupas e dicas de beleza (cabelo e maquiagem, realizado em um local, data e hora determinado pelo organizador, onde um grupo de modelos previamente selecionadas desfilam em uma passarela durante uns 20 minutos). Com uma trilha sonora adequada ao tema, que é selecionada por profissionais responsáveis pela produção com orientação do estilista.

foto 9 foto 10

Atualmente o desfile tem características de espetáculos e é realizado principalmente para a mídia, no passado o objetivo era agradar somente as clientes.

foto 11

Os desfiles do século XXI passaram por várias transformações, a venda em si não era o mais importante. Agora ser convidado para um desfile de moda se tornou um símbolo de status, principalmente estar na primeira fileira prestigiando de pertinho as novas tendências.

foto 12 foto 13

Para que o desfile aconteça é necessária uma equipe de profissionais qualificados, além dos estilistas, produtores, modelos, cabeleireiros, jornalistas, blogueiros, estagiários, entre outros.

Quem está na espera deste espetáculo, nem imagina na loucura que está nos bastidores.

As modelos chegam horas antes para fazer cabelo, maquiagem e até as unhas, depois de prontas cada modelo tem um assistente para ajuda-la a se vestir, claro com a supervisão do estilista. Como são várias trocas todo cuidado é pouco, um produtor de moda organiza todas as entradas.

foto 14 foto 15 foto 16 foto 17 foto 18 foto 19

Alguns criadores estão voltando a fazer pequenas apresentações para poucos convidados, deixando a mídia de fora.

foto 20

Mesmo com tantas transformações, os desfiles não podem deixar de existir, são uma ferramenta de marketing muito importante para as marcas.

foto 21 foto 22

*

Por, Elizangela Gomes, professora do Núcleo de Criação da Sigbol fashion.

Referencias: 12345678910111213141516171819202122 e 23.