Arquivo da tag: Black Power

Tribos Urbanas: Teddy Boys.

Os teddy boys foram a primeira manifestação da cultura jovem no Reino Unidos anos 1950, possuíam uma maneira bem específica de se vestirem, mas aquela não era apenas uma prática de culto à moda, mas uma forma de expressão dos jovens da classe trabalhadora que viveram oprimidos nos anos seguintes à Segunda Guerra Mundial.

Os casacos da era eduardiana, que era a principal referência de vestimenta dos teddy boys, calças justas em consequência dos filmes norte-americanos e cabelos alisados em topetes super elaborados complementavam o look na época.

O rock’n’roll era a principal influência destes jovens que são tidos, assim como os mods, os precursores do movimento punk, devido a algazarra e brigas de rua com a gangue rival.

john-lennon

Os mods eram geralmente adolescentes de classe média obcecados por moda e estilos musicais, entre jazz moderno e rhythm & blues, que andavam em motonetas tipo scooter como meio de transporte.

Dessas duas culturas diferentes surgiram muitas subculturas diferentes, e os skinheads de certa forma surgiram nos anos 1960, segundo estudiosos, derivados dos mods e dos rude boys. Seus integrantes eram na maioria providos da classe operária, e nessa época os skinheads eram constituídos por negros jamaicanos e brancos que se reuniam para apreciarem o mesmo tipo de música como reggae e ska.

499ec0d377bc23a6a7ea2bdc88312243

26413d2f422804d2eaf75e295635c97b

Nos anos 1980 os skinheads passaram por mudanças ideológicas, em que determinados grupos adotaram influências homofóbicas de procedência neonazista. Eles se tornaram rivais dos punks.

e72e69ea98c2ce16ee98bfab742472bf

*

Por Mayara Behlau, professora do Núcleo de Criação da Sigbol Fashion

Referências: 1

Liberté, Égalité, Beyoncé!

giphy (1)

Muito se falou de Beyoncé nestas ultimas semanas, ícone da música pop mundial, forte representante da beleza negra americana, dita tendências de moda e comportamento entre seus admiradores e mulher com engajamento e posicionamento político!

Com o lançamento de seu mais recente videoclipe, Formation, a cantora denunciou aquilo que muitos sabem, porém mantêm-se indiferentes: o racismo e suas consequências.

Mostrando referências atuais e históricas sobre a história, como por exemplo, a inversão de valores escravocratas e empoderamento da beleza natural negra.Blue-Ivy-Formation

Poucos dias após lançar tal videoclipe, Beyoncé foi convidada a se apresentar no Super Bowl (principal campeonato da liga de futebol americano) e foi onde ocorreu outra referência importante para a história dos negros.a0f7a0a354521184af0a262839ebbf23
Suas dançarinas surgiram com looks que nos remetem a um grupo formado na década de 60 que muito lutou contra o extermínio dos negros pela polícia norte americana; Os Panteras Negras.

Untitled-1

Vestes pretas em couro, boinas e o punho erguido fazem parte das principais características  dos Black Panther Party, que tinham como finalidade original organizar patrulhas nos guetos negros para proteger os residentes dos atos de brutalidade da polícia.
b3f99582db32115938883c0699794e83

Já a cantora homenageou o Rei do Pop Michael Jackson com um look, também em couro, referente à apresentação que o mesmo fez em 93 no evento.64e3cf387cc45ba292bd91d0b5b1b410

A luta por direitos desde o começo do século XX com o surgimento das sufragistas, traz como arma visível a moda, uma forma de reconhecimento e muitas vezes segregação de grupos e tribos que pode estar presente na identidade dos cabelos (como os afropunks), nas cores (como as sufragistas), nos acessórios (como as boinas dos panteras negras), entre muitos outros.

Quando de alguma forma assuntos importantes são ignorados pela maioria a moda tem o mais importante papel de denunciar e conscientizar.tumblr_mqcu6bNNFP1rpzmhoo1_500

*

Por Mayara Behlau, professora do Núcleo de Criação da Sigbol Fashion

Referências: 1, 2, 3 e 4

 

Creative Friday – BLACK POWER

Coroa presente nos topos das cabeças negras e mestiças que transcende seu aspecto estético. A história por trás de cada cacho carrega uma luta árdua que perpetua a quase um século e ainda sim é atual.

tumblr_nn9uxcXgMI1qlz0m2o3_1280

A repercussão do ativismo negro contra a imagem eurocêntrica teve seu começo na década de 20 na Jamaica e estendeu-se as Américas na década de 60.

As mulheres foram as principais protagonistas do movimento, as quais sofriam desde a escravidão. Em tempos de luta assumiram o natural e tamanha era (ainda é) força de seus protestos que os opressores se oprimiram!

A expressão “Black Power” foi criada por Stokely Carmichael, militante radical do movimento negro nos Estados Unidos, após sua vigésima sétima detenção em 1966. “Estamos gritando liberdade há seis anos. O que vamos começar a dizer agora é poder negro“, anunciou.

8b0efa632ccf95d90e5ca9561aafbb68

Ainda há infelizmente muito pelo que se lutar a favor da igualdade não só dos negros, mas também das mulheres, homossexuais, travestis e transexuais perante uma sociedade de padrões eurocêntricos patriarcais. Não a superioridade mas sim igualdade entre gêneros e cores!

REPRESENTATIVIDADE

 

 

painel

Carolina eli1 eli2 haranin marjorie mayara Pa 1 pa 2 pa 3 Pri