Arquivo da tag: alfaiataria

Alfaiataria Tradicional e Industrial

O Alfaiate  é uma das profissões mais antigas do mundo. As peças de um traje de alfaiataria vem desde o final das guerras napoleônicas. Claro que com o passar dos anos, aconteceram algumas mudanças no comprimento e na silhueta.

1y

Muitos profissionais da indústria da moda admiram o trabalho do alfaiate, mas não trabalhariam na área.

Organizados em associações e entidades de classe, a profissão de alfaiate tem sido protegida pelas pessoas que trabalham no ramo, que buscam passar seu conhecimento adiante com muita cautela.

tumblr_static_tumblr_static_131jmi1a629wkk4o8wsow40cw_640

Com o passar do tempo, novas máquinas e materiais foram incluídos no mercado de trabalho. Porém, muitos profissionais não estão convencidos dos resultados e preferem usar somente os métodos manuais para garantir o formato preciso do tecido. Sendo assim, as máquinas são usadas somente para fechar costuras e pences.

A-Caraceni-

Hoje, a alfaiataria pode ser dividida em duas categorias: a alfaiataria tradicional personalizada, que continua a praticar técnicas manuais e artesanais sob medida. E a alfaiataria industrializada, que dispõe de processos rápidos em mais quantidades, tamanhos padronizados e menos custos, os quais constroem paletós e casacos com acabamento industrial, ou seja,  algumas partes são reforçadas por uma entretela.

finding_a_good_tailor

Essa é a diferença entre a alfaiataria tradicional da industrial.
Em nosso curso de Especialização em Corte e Costura sob medida, você pode aprender muito mais. Que tal dar uma conferida?

*

Por Paola Sanguin, professora do núcleo de criação da Sigbol Fashion

Referências: 1, 2, 3, 4, 5, 6, 7, 8, 9, 10.

Manual Técnico Dicionário da Moda Sigbol Fashion; Manual Técnico História da Moda Sigbol Fashion.

Construção de vestuário: Coleção Fundamentos de Design de Moda – Bookman

O ATEMPORAL NA MODA

Há peças de roupas e acessórios que fogem do domínio das tendências e permanecem firmes, ao longo dos anos estão sempre em alta, não há temporada, nem estação para essas peças serem usadas, elas estão sempre atuais e na moda.

Para esses tipos de peças damos o nome de atemporais,  pois elas não são afetadas pelas trocas de tendências do mundo da moda.

Com o passar do tempo uma peça que você tenha esquecida ai em sua casa pode estar em alta, ou seja, voltou com tudo e é tendência novamente. Aproveite momentos de feriado ou quando estiver mais tranquila para fazer uma limpeza no closet, vai ser uma experiência única e você poderá achar aquela peça esquecida e usá-la novamente, agora se você esta um pouco perdido sobre o que tirar do armário, quais são as peças-chave/ básicas/ essenciais que todas nós deveríamos ter? Então vamos lá!

  • JAQUETA DE COURO PRETA: Símbolo da turma rocker e dos músicos mais descolados do planeta, ela conquistou espaço cativo no nosso guarda-roupa. Versátil, foi ganhando diferentes modelagens ao longo do tempo. Para sair da mesmice, invista em modelos com texturas e shapes inusitados. Quanto à cor, fique com a mais bacana para esse clássico, sem dúvida nenhuma o preto.1 2

 

  • BLAZER PRETO : Amigo de todas as horas, faz o estilo biker, para um jantarzinho à noite, um almoço, trabalhar, viajar a negócio ou a passeio. Sem contar que esta peça tem passe livre para qualquer festas e afins.3 4

 

  • TRENCH-COAT BEGE: Criada por Thomas Burberry no final da Primeira Guerra Mundial, a peça sobreviveu aos modismos e já é considerada um clássico do guarda-roupa, reinando absoluta até hoje, levantando os mais diversos looks. Invista num modelo cáqui ou preto, eles vão bem com tudo ou também opte por uma parka bege, essas peças não são consideradas ‘’peças fashionistas”, mas sim básicas e essenciais.5 6

 

  • A BOA E VELHA CALÇA JEANS: Calças jeans são as rainhas de qualquer guarda-roupa, porém elas precisam ter um bom caimento no corpo, nada de calça que não serve mais no seu corpo ou que precisa passar manteiga para entrar nela, elas são peças coringas tanto na montagem de looks esportivos como casuais e por que não chiques também, por isso vale a pena investir em lavagens e modelagens diferenciadas.7

 

  • CALÇA PRETA: Pode ser estilo bomber, couro ou de alfaiataria, calça preta é um investimento sem arrependimento. Dúvida do que vestir em qualquer ocasião? A calça preta funciona muito bem, opte por usar uma malha e a jaqueta de couro ou um blazer colorido.  Está elucidado o quebra- cabeça, faz tempo que a peça deixou de ser uma exclusividade do closet das executivas. Com a onda minimalista que voltou a pairar na moda, a alfaiataria ressurge mais cool do que nunca, sem perder seus dois principais pilares: corte e caimento perfeitos, shapes novos e tecidos nobres são responsáveis por levar as calças do escritório para as passarelas e as ruas.8

 

  •  VESTIDINHO PRETO BÁSICO: Com certeza todas as mulheres tem um desses, ele faz parte do closet, pode ser de renda, couro, sarja, modelo com alcinha pra usar no verão com tênis (pra ficar esportivo) também pode ter modelos com manga comprida pra usar na meia estação com botinha baixa, não importa o modelo o importante é ter pelo menos um no armário. 9 11 10

 

  • VESTIDO ESTAMPADO: Os vestidos são peças versáteis e que combinam em qualquer ocasião, seja uma festa ou ambiente corporativo. Existem vários modelos como: curtos, médios e longos. A peça clássica aparece inovada no verão com estampas, design moderno, comprimentos diferentes e cortes assimétricos que prometem ser a nova aposta.

12 13

 

  • CAMISA BRANCA: Fundamental ter uma! Umas das peças mais clássicas do guarda roupa feminino e masculino, a camisa branca de alfaiataria, um clássico que nunca vai sair de moda seja no trabalho, para sair, num happy hour, numa festa, almoço, jantar, etc. Basta você apostar e abusar dos acessórios e dar uma cara nova ao seu look, hoje em dia temos camisas em tecidos mais leves, menos formais. É muito importante ter pelo menos uma em seu armário.

15

 

  • SUÉTER DE MALHA EM TOM NEUTRO OU CASHMERE: São indispensáveis no inverno, prefira tons neutros e terrosos, recomendamos essas cores por que estão sempre em evidência no inverno, e nunca sairão de moda.16 17 18

 

  • SCARPIN: Ícone sexy, o sapato de bico fino e salto alto mostra seu dinamismo ao passear por diferentes estilos. Não é à toa, agrada nove em cada dez mulheres e a mulher que não gosta já experimentou em algum momento da vida com certeza, versões envernizadas são clássicas e ainda atendem à tendência glossy. Para quem deseja uma peça multifuncional, os metalizados são perfeitos para as Cinderelas do século 21.19

 

  • SAPATO NEUTRO SEM SALTO: O conforto é outra coisa que não sai de moda, se você é da pegada mais confort, opte por sapatos mais baixos como: tênis all star, sapato, sapatilhas, algum mocassim ou mesmo a “novidade” do passado: o  oxford, pois são baixinhos, estilosos e compõe bem qualquer look.20

Na época de crise que estamos passando, o negócio é economizar, certo? Então não perca tempo, no próximo feriado ou fim de semana, de uma boa espiada demorada no closet para ver o que realmente importa e o que está ali há anos intocado e pode se tornar sua nova peça queridinha.

Saia em busca e monte looks maravilhosos com peças super legais que você já tem!

 *

Por Natalina Porto, professora do Núcleo de Modelagem da Sigbol Fashion.

Referências: 1, 2, 3, 4, 5, 6, 7, 8, 9, 10, 11, 12, 13, 14, 15, 16, 17, 18, 19 e 20.

 

Moda Masculina 2016 Tendências

A moda está presente na vida de todos, tanto das mulheres como dos homens, atualmente cada gênero conquistou seu espaço e as tendências estão cada vez mais fortes para ambos os sexos.

Nas passarelas, uma das apostas para tendências apresentadas para a moda masculina 2016  será o jeans, o grande queridinho! Lavagens claras, escuras, alfaiataria, camisas, o clássico macacão jeans e várias outras peças encherão o guarda-roupas dos homens que gostam de andar seguindo a moda.

Caprichar na composição de looks estilosos e descolados fica por conta da criatividade de cada um, o mais importante é caprichar nas peças, o jeans com certeza será o fenômeno da moda masculina.1

  • Bermudas Esportivas.

bermuda teve grande aparição nas passarelas, vários estilistas apostaram nelas com tecidos leves e cortes esportivos, os modelos acima do joelho foram os mais constantes nos desfiles, e é uma boa aposta para os dias de calor que estão por vir.  Esse tipo de bermuda pode compor looks despojados e esportivos ou até mesmo os “arrumadinhos” basta ter um pouquinho de criatividade e ousadia para fazer dessa peça um coringa no seu guarda-roupa.Untitled-1

  • Camisa Jeans Masculina

Camisa Jeans Masculina também é uma tendência que deve se manter firme, pois entra ano e sai ano e elas estão por toda a parte. É um ícone que nunca sai de moda, preenchendo o armário masculino e dando todo um charme nas composições de looks.

E quem acha que uma camisa jeans não fica bem se usada com calça também de jeans está enganado, pois essa combinação fica super moderna principalmente se o tom entre eles variar.

Você pode apostar nessa ideia sem medo de errar, pois a combinação fica bem em qualquer homem independente do estilo que siga, claro que respeitando a modelagem de cada peça, que é o grande desafio dessa proposta.

As camisas em 2016 irão aparecer com modelagens e lavagens bem modernas, mas para quem ainda possui alguma dúvida sobre o modelo de roupa, existem diversos tipos que podem ser usadas por diferentes estilos de homens seguindo a tendência sem sair da identidade que cada um possui, veja os exemplos e inspire-se.2png

  • Camisa Jeans Masculina com calças coloridas

Dê um toque de descontração no seu look com camisas jeans masculina, usando uma calça colorida, é uma valiosa dica pra quem gosta de ser mais descolado e não passar despercebido por aí.

Você pode optar por calças de cor bordô, verde, preta, amarela ou da cor que preferir, a intenção é deixar o look mais descontraído, divertido e moderno para que você arrase.3png

  • Macacão jeans

Dê um toque de atualização ao seu look com macacões jeans, é uma forma bacana pra quem gosta de ser mais autêntico. Se a intenção é deixar o look mais descontraído e moderno para que você arrase por aí, faça uso de botas e sandálias, elas estão acompanhando as peças jeans nesse ano.400

  • Alfaiataria descolada

A “a alfaiataria” não poderia ficar de fora. Ela vem de uma forma totalmente clean e sofisticada, dando um ar despojado em blazeres e casacos, e vai estar em alta para ser usado em todos os ambientes. Nunca o jeans foi tão democrático.500

  • Look jeans total (Double Denim)

Também conhecido como  jeans em dobro, as combinações jeans + jeans tem conquistado cada vez mais adeptos no mundo fashion. O look jeans total é tendência e bastante fácil de usar, o jeito mais moderno de utiliza-lo é com lavagens diferentes, geralmente a parte de cima bem clarinha tipo delavê e a parte de baixo mais escura. Mas, o estilo “conjuntinho” também funciona, não é só o público feminino que aderiu ao look total, os homens também podem abusar desta tendência.6000

Por Natalina Porto, professora do Núcleo de Modelagem da Sigbol Fashion

Referências: 1, 2, 3, 4, 5, 6, 7, 8, 9, 10, 11, 12, 13, 14, 15, 16, 17, 18, 19, 20, 21, 22 e 23

Confortável também no trabalho

FOTO01

Mas claro que pode! Não entendemos bem porque, mas notamos que a maioria das pessoas costuma associar looks de trabalho a peças desconfortáveis, restritivas e sem graça. Mas, ao contrário da crença geral, seus looks para o dia a dia no escritório / escola / avião / whatever podem ser criativos, bonitos, elegantes and totalmente confortáveis.

FOTO02

O primeiro mandamento para se sentir confortável no trabalho é observar qual o dresscode da empresa, para então montar looks com peças que sejam confortáveis também para você. E como identificar o dresscode, já que nem sempre esse tipo de recomendação vem no pacote quando da admissão? Simples: observe os demais funcionários. Principalmente aqueles que estejam no mesmo setor que você, e, depois, aqueles do setor para o qual você gostaria de evoluir. Explico: naturalmente, quem já tem algum tempo a mais de casa que você identificou o tipo de look que o local e a posição exigem, e já se adequou. Ou, no mínimo, tentou se adequar. Por esta base, você já pode perceber se o local exige dresscode formal ou criativo, cores sóbrias ou coloridas, etc.

FOTO03

Já identificou o dresscode da empresa? Momento agora de adequar suas vestimentas a ela. Primeiro, observar com cautela extrema peças que possam criar desconforto no ambiente de trabalho, tais como transparências, mini ou micro comprimentos, perfume forte, sapatos barulhentos (tais como tamancos, que, ao ficarem soltos nos pés, fazem um barulho danado ao caminhar), maquiagem excessiva, alças de sutiãs fora de lugar, etc. Pense sempre naquilo que traria desconforto para você, se visse outra pessoa trabalhando desta forma ao seu lado. A partir daí, aceite que existem peças do seu guarda-roupa que devem ser mantidas para fins de semana ou momentos pós trabalho.

FOTO04

Continuando à adequação do seu guarda-roupa ao trabalho, passe a trocar quantidade por qualidade: mais vale uma calça de corte impecável e bons tecidos que três de tecidos horríveis e sem forma nenhuma. Neste caso, depende muito daquilo a que você dá preferência ao se vestir: tecidos sintéticos são mais práticos, mas podem pinicar, incomodar, machucar, etc, principalmente os mais baratos; já tecidos naturais, apesar de demandarem manutenção constante, e amassarem com mais facilidade, costumam ser mais confortáveis e frescos no uso. Quanto à modelagem, sempre que for comprar uma peça para o trabalho, teste-a de todas as formas possíveis: sente-se e levante (para ver se você pode fazer tal movimento sem ter que ficar arrumando a peça a todo momento, e se a cintura continua no lugar), levante os braços (em camisas e blusas, para ver se a peça não segura os movimentos, nem mostra a barriga a cada vez que você tenta pegar algo no alto, dobrar os braços para carregar pastas, etc)  e, por fim, se lhe permite pegar transporte com facilidade (neste caso, é muito pessoal, cada um utiliza o transporte que lhe convém e que pode, mas quem dirige deve pensar se a peça lhe permite fazê-lo sem dramas, quem usa ônibus e metro, se não amarrota muito facilmente que te faça chegar no escritório assemelhando-se ao conteúdo de uma garrafa, etc).

Por fim, muita gente tem aquele pensamento de não gostar de gastar em peças para trabalhar. Ora, colega, pense que é uma peça que você possivelmente passará muito tempo da sua vida vestindo. Logo, a compensação de uso vem na quantidade de vezes que ela for usada, e na quantidade de conforto que vai trazer para o seu dia a dia.

*

Por Haranin Julia Maria, professora do Núcleo de Criação da Sigbol Fashion.

Referências: 12345678910111213141516171819,  202122232425 e 26

Você conhece Alexandre Won?

alexandre imagem 1

Won cresceu usando roupas sob medida feitas pela mãe, uma estilista craque em modelagem. Por essa razão, sempre foi muito exigente quando o assunto é vestuário. Formou-se em direito, mas decidiu seguir seu caminho na moda. Além do grande aprendizado na confecção da mãe, ele aprimorou seus conhecimentos com um alfaiate, hoje bem velhinho, cuja identidade prefere manter em segredo. “O resto foi praticamente sozinho. Sou muito ligado à estética e sempre tive boa noção de proporção, geometria…”, afirma no site.

Sempre se preocupou em se vestir bem, respeitando suas formas e necessidades, imaginou que outras pessoas também passavam pelo mesmo problema: a dificuldade de encontrar algo exclusivo. A partir daí surgiu a ideia de abrir um local e trabalhar apenas com alfaiataria.
Seu diferencial está na utilização do método bespoke, que vem do termo “been spoken for”. Onde o cliente escolhe o tecido para sua roupa, e participa de todo o processo de escolha, além da roupa ser feita para atender aos requisitos específicos e pessoais de um cliente. É diferente da roupa sob medida, quando o alfaiate apenas usa uma base pré-existente e a ajusta para ficar mais próxima das medidas do cliente.

alexandre imagem 2

O bespoke são peças confeccionadas uma a uma, num trabalho quase artesanal, o que garante acabamento impecável. Alinhado à isso, há também atendimento personalizado. Trabalhando com  mais de duas mil opções de tecidos – tanto nacionais como importados – que podem ser a base de qualquer tipo de roupa, desde ternos e camisas até saias e vestidos.

alexandre imagem 3

Alexandre busca atender a todo mundo e não somente ao mercado de luxo. Ele acredita que se vestir com algo feito especialmente para cada um é a maneira ideal de valorizar a individualidade.

Ter um terno por processo altamente artesanal torna-se altamente caro e é para poucos. Para ter um terno assinado por Won é preciso desembolsar a partir de R$ 6,9 mil e esperar por até quatro meses.

alexandre imagem 4

Outro projeto recente de Won foi à inauguração de uma fábrica para atender companhias interessadas em terceirizar a produção. Com 15 funcionários, entre alfaiates e operadores de máquinas, a empresa tem capacidade para produzir 50 ternos por dia. “A fábrica trabalha com os conceitos de alfaiataria sob medida. Ela também é uma maneira de manter viva a chama dessa profissão, que está praticamente extinta”, desabafa.

“O Alexandre é detalhista, moderno e atual. Ele molda a roupa no corpo do cliente. Eu nunca tinha visto isso antes. Com certeza ele é um dos maiores talentos dos últimos tempos”, diz Justus cliente de Won. ( in http://www.forbes.com.br/lifestyle/2015/06/alexandre-won-o-alfaiate-preferido-das-celebridades/)

alexandre imagem 5

Você também pode se preparar para ter seu próprio negócio, venha conhecer os cursos da Sigbol Fashion e encontre o ramo ideal para você.

*

Por Keyla Ferreira, professora do Núcleo de Modelagem da Sigbol Fashion.

 

Referências: 1234567 e 8.