Arquivo da tag: 2016

O que vamos ver no Inverno 2016 ?

A moda não para! E como informação nunca é demais, fiquem atentos às tendências que podem aparecer no inverno:

  • Gender Bender

“Mas esse modelo é homem ou mulher?” É esse tipo de indagação que o movimento gender-bender traz juntamente com peças em alfaiataria e cores neutras, brincando com os limites de gêneros e indo além do que já conhecemos como feminino e masculino.

bender

 

  • Conjuntos

Paletós com saias, calças ou pantacourts, com estampas iguais ou lisos da mesma cor formam outra tendência gritante para o inverno.

conjuntos

 

  • Maxi casaco em alfaiataria

Segundo muitos estilistas, o inverno vem frio esse ano (muito frio!) o que dá espaço para a peça chave da estação e aposta de muitas grifes: o sobretudo! Desta vez em tamanho exacerbado abaixo dos joelhos e muitos modelos chegam a tocar o chão.

maxi

 

  • Ombros à mostra

Característica e tendência de verão migrará também para o inverno com recortes e detalhes.

ombros

 

  • Pantacourts

Tendência de verão 2015 (como já vimos aqui) que continua no inverno de 2016, a pantalona cropped.

panta

 

  • Pele animal

Tendência que deixará a temporada de inverno mais sofisticada, a pele animal (sintética, por favor!) se fez bastante presente nos desfiles masculinos em detalhes e em peças inteiras.

pele

 

  • Listras em p&b

Abandonando o óbvio, essa tendência se faz em texturas, tamanhos e ângulos diferentes .

stripes

 

  • Tons terrosos/naturais

Marrom, vermelho, verde e tons alaranjados fazem parte da cartela de cores para o inverno. Tons outonais referentes à natureza.

tons

 

  • Transparência

Entre tramas espaçadas e rendas, a transparência que já é tendência de verão estará presente também no inverno.

trans

 

  • Vestido “tubinho”

Ícone moderno, o vestido tubinho tem referência direta com os anos 60 com pegada futurista e criativa.

tubinhos

 

  • Veludo

Outra tendência masculina que migrou para as passarelas femininas foi o veludo em looks inteiros combinado com rendas e bordados.

veludo

 

*

Por Mayara Behlau, professora do Núcleo de Criação da Sigbol Fashion

Referências: 1, 2, e 3

And the Oscar goes to…

oscars-gifs-oprah-lego-oscar

Anualmente a Academy of Motion Picture Arts and Sciences ou simplesmente Academy anuncia uma lista de filmes aclamados pela crítica que concorrem pela estatueta que representa o reconhecimento à excelência de profissionais da indústria cinematográfica, resumindo; saiu a lista dos indicados ao Oscar 2016!

Entre os prêmios, está o de Melhor Figurino, parte extremamente importante na composição de personagens e construção do ambiente, seja para contextualizar uma década passada ou futura, esbarrando em questões de gênero, climas extremos e histórias mágicas.

Conheçam os indicados e façam suas apostas:

  • “Carol” 

1

Os tecidos finos e a elegância dos anos 50 se fazem presente e são destaques no figurino de Carol, uma história de amor em Therese e Carol ambientada na Nova York dos anos 1950, fase de transição no guarda-roupa feminino, principalmente das silhuetas, com a criação do “New Look” de Dior.

A protagonista do enredo, Carol, veste-se com peças luxuosas, como casacos de pele, cashmere, tecidos mais finos, como o cetim e a seda. Therese, que é bem mais jovem, representa a classe intelectual que debate sobre o conservadorismo da sociedade da época. Sandy Powell a responsável pelo figurino do filme  já ganhou três Oscar: em 1998 com “Shakespeare Apaixonado”, 2004 com “O Aviador”, e “A Jovem Rainha Vitória”, em 2009.

carol

 

  • “A Garota Dinamarquesa”

2

O enredo conta o caso da primeira pessoa a fazer a cirurgia de mudança de gênero, o que exigiu a construção de um figurino que transite entre peças femininas e masculinas durante a década de 20. Delgado, figurinista do longa,  concorreu em 2013 pelo musical “Os Miseráveis” e o longa dirigido por Pedro Almodóvar, “A Pele Que Habito”.

danish girl

 

  • “Cinderella”

4

Sandy Powell bateu cartão em mais uma super produção cinematográfica, desta vez nos transportando para uma versão menos fantasiosa e mais atualizada de um conto de fadas do século 19; Cinderela.

Com laços, babados, jóias, cores fortes e milhares de cristais Swarovski o figurino perde o ar de fantasia e ganha uma nova roupagem sem perder as características da época.
cindy

 

  • “Mad Max: Fury Road”

3

Um vasto e árido deserto de um futuro pós-apocalíptico fazem parte do cenário que conversa diretamente com o figurino em cores neutras, peças em couro com acessórios urbanos como mochilas, cintos, ombreiras e lenços. Jenny Beaven figurinista responsável pela aclamada volta do universo de “Mad Max” trouxe acessórios e máscaras que contrastam com a paleta básica das roupas.

Beaven também foi responsável pelo figurino do filme “O Discurso do Rei” e “Para Sempre Cinderela”.

mad max

 

  • “O Regresso”

THE REVENANT Copyright © 2015 Twentieth Century Fox Film Corporation. All rights reserved. THE REVENANT Motion Picture Copyright © 2015 Regency Entertainment (USA), Inc. and Monarchy Enterprises S.a.r.l. All rights reserved.Not for sale or duplication.

A história de vingança e sobrevivência situada no ano de 1823, enfrentada pelo protagonista do filme, prevalece no figurino com enormes casacos de pele, misturados ao sangue, lama e todos os obstáculos que os caçadores enfrentam pelo caminho inexplorado abaixo de zero.

A figurinista Jacqueline West também trabalhou em “O Curioso Caso de Benjamin Button” e “A Rede Social”.

revenant

*

Por Mayara Behlau, professora do Núcleo de Criação da Sigbol Fashion

Referências: 1 e 2