Portfólio

Veja abaixo algumas histórias dos alunos da Sigbol Fashion.

***

Fernanda Revolta

Hoje vamos apresentar à vocês a aluna de Customização e Especialização em Desenho de Moda Fernanda Revolta, ganhadora do 5º Concurso Projeto Sigbol.

1513723_790278561046571_6079020544167742769_n

Desde criança, Fernanda tinha o costume de descosturar peças de suas roupas somente para costurá-las novamente, e, já adolescente, customizava seus looks para adequá-los a sua personalidade. Por fim, decidiu por procurar um curso de criação e desenho para ter certeza de que seu caminho seria mesmo trilhado na moda, e finalmente tomou gosto pela coisa e deslanchou na área.

ffe1

A Fernanda conta que escolheu a Sigbol Fashion como sua escola porque sentiu necessidade de se especializar em customização depois de começar a postar fotos de seus vestuários nas redes sociais, e receber elogios e, tão importante quanto, encomendas e clientes! Considerou que a Sigbol ofereceu a melhor escola, a melhor estrutura e a melhor grade curricular, e escolheu nosso curso de customização. Gostou muitíssimo da escola, a ponto de deixar o curso particular de desenho que fazia e inscrever-se também no Desenho de Moda Básico e, posteriormente, Especialização em Desenho de Moda.

ffe1

Falando um pouco sobre onde busca inspiração pro seu trabalho e quais suas pretensões para o futuro:

“Música é minha vida, principalmente Rock Alternativo e Indie, e toda a minha inspiração para novas customizações, desenhos e meu próprio vestuário vem dos videoclipes, shows e apresentações desses artistas, que me fascinam, assim como vampiros, que são meu tipo de filme, série e seres favoritos, que também me inspiram muito. Para o futuro, moda, moda, moda. Respiro, vivo e amo moda, e não penso em fazer outra coisa da minha vida nunca. Pretendo dar continuidade aos meus estudos, fazendo faculdade de Moda, e, quem sabe, não me torne professora de criação na Sigbol (seria demais!)… mas inicialmente quero mesmo montar uma loja física de customizações da minha marca Linda Cardeline, que já funciona on-line”.

Confiram o blog e as redes sociais da Fê no endereço http://lindacardeline.blogspot.com.br e conheça um pouco mais do trabalho dela! E venha você também aprender a customizar com a gente: confira um pouco mais AQUI.

***

Lucy Dabanovich

Desde criança conviveu com moda. Sua mãe tinha um ateliê de costura e era muito procurada pela alta costura. Começou a traIMG_4076balhar muito cedo na antiga “Casa Alemã” onde se confeccionava trajes sociais e de noivas na época. E Lucy costumava estudar em seu ateliê, ficando horas ao lado da mãe e achando maravilhosos termos ideias de modelos juntas, ela criar os moldes e em pouco tempo aprontar figurinos incríveis. Ainda jovem, participou de desfiles promocionais de lojas e indústrias de roupa como manequim.

Logo, foi para a faculdade. Mas, não existia curso de moda na época e como gostava de matemática e ver a construções de estradas, se formei em Engenharia Civil. Trabalhou 35 anos como engenheira, especializando-se em Solos e Fundações.

Quando soube que já existiam cursos de nível superior em moda, achou fantástico saber que o mercado já tinha profissionais voltados para a área, acompanhando pessoas “indecisas” em compras de roupas e acessórios em determinados shoppings da cidade. Ela não queria fazer faculdade novamente, mas procurou se informar se havia cursos com base para essa função, com os conhecimentos de criação, modelagem e costura.

IMG_4067

Como já tinha ouvido falar dos cursos da Sigbol; entrou no site, e visitou a escola, onde obteve mais informações com os atendentes e decidiu instantaneamente começar uma nova época em sua vida, o curso de Personal Stylist.

Abaixo seu depoimento a respeito:

“O curso é fantástico e a oportunidade de ter aulas com a Leca, Foi incrível. Aprendi e pratiquei, não só ouvi. Você interage o tempo todDSC00978o. Ela não se resume só a matéria propriamente dita, mas entra no campo da moda, da costura e modelagem,  o que me relembrou muita coisa que aprendi muito cedo.”

Atuando muitos anos na Gerencia Comercial de empresas de engenharia, aprendeu que “o artista tem que ir aonde esta o povo”. Em seguida, foi atrás de um

20140913_105421bom material gráfico (cartões, papel de carta, etc). Com isso em mãos, procurou  uma revista que transitasse em bairros nos quais procura caminhar e com boa receptividade no mercado para fazer um anúncio. Teve muita sorte em sua escolha, pois o anúncio propiciou que fizessem uma matéria e a possibilidade de vir ajudá-los numa nova coluna: a de moda!  E já vai sair a partir da próxima edição. Além de quem sabe poder ajudá-los na produção da imagem das capas nas próximas edições.

Isso que é ter vontade, desembaraço e segurança para fazer o próprio marketing pessoal. É  pegar o cartão, a cópia do meu TCC – Sabia que ela tirou 10?! *-* – e sair para  vender seu trabalho em locais que frequenta: salões de beleza, lojas, escolas de dança, e o “boca a boca” que é fundamental. Utilizar as redes sociais também é um objetivo e em breve teremos surpresinhas …

IMG_4046

Com certeza ela se dedica bastante para fazer da Consultoria de Imagem sua nova profissão. E Ainda aconselha: “Quem estiver a fim de aprender, curta muito a aula, saia mais na rua, repare melhor nas pessoas, em como se comportam e se vestem, olhe vitrines, figurinos e assista desfiles com um olhar mais detalhista. Procure detectar pessoas que possam se interessar pelo seu trabalho e lembre-se: Investir em si mesmo é o melhor negócio!”

Nós da Sigbol Fashion torcemos muito pelo seu presente Lucy, já que seus sonhos estão se tornando realidade. ♥

20140630_200630

***

Mariana Ohara

Entrevistamos a ganhadora do 4º Projeto Sigbol, Mariana Ohara! Seus desenhos são incríveis. Logo abaixo, seus planos e expectativas para a área de criação de moda, e sua relação com a escola. Vamos conferir?

A Mari sempre quis estudar algo que gostasse de verdade, e quandSem título-6o descobriu que poderia trabalhar com duas coisas que ama: desenho e moda, resolveu investir. Com a ajuda dos pais percorreram diversas escolas de moda, mas foi na Sigbol Fashion que encontrou a solução para todos os seus problemas e também foi a instituição que a mais agradou, principalmente por conta das apostilas e o horário. As apostilas, pelo excelente conteúdo e qualidade  e o horário por ser um curso aberto, o aluno tem a opção de vir a horário que é mais agradável a ele.

Sem título-7

 

Sem título-3

Muito concentrada, minuciosa e caprichosa, desenha seus croquis com muita cautela, detalhes e carinho utilizando várias técnicas de colorir. Normalmente,Sem título-2 costuma buscar imagens na internet para se inspirar, pois é um lugar onde se visita o mundo sem sair de casa, ou em qualquer lugar que estiver. Ela pretende ser uma grande designer de moda, e espera que daqui a um tempinho esteja na faculdade para se graduar e começar a trabalhar nessa área tão abrangente. Mas antes, quer se especializar mais com outros cursos, principalmente em programas de computador voltados para a área.

Sem título-1

Nós apoiamos totalmente a sua escolha e  esperamos continuar auxiliando em seu caminho!

image (7)

***

 

8uJoão Alves desde seus 9 anos é completamente apaixonado por moda e tudo nesse Universo. Ele conta sua história exclusivamente para nós.

  • Por que escolheu estudar Produção e Styling na Sigbol?

Eu sempre vi moda como arte, e acho que produção de moda é uma área onde é possível você pirar com ideias e criar uma coisa que seja exclusivamente sua. Com meus 15 anos decidi que já estava mais do que na hora de começar a estudar e conhecer mais sobre esse universo, foi aí que resolvi pesquisar alguns cursos de moda. Entre inúmeras escolas que ofereciam cursos, escolhi a Sigbol pela ótima recomendação  de uma amiga que já cursou desenho de Moda com vocês, liguei para marcar um dia para conhecer os cursos que a Sigbol oferecia e a unidade, fui super bem atendido e recebido na unidade pela Fernanda, ela me explicou curso por curso e me identifiquei com o de Produção e Styling. A escola além de ter uma ótima localização, tem um preço acessível e uma ótima estrutura.

  • O que achou do curso?

Simplesmente maravilhoso, aprendi muito e sou muito grato a vocês e principalmente à Professora Léia Marinho, que é uma ótima profissional e conseguiu passar todos seus ensinamentos de uma forma super legal e divertida, nossas aulas nunca foram chatas tanto na sala de aula como nas aulas externas, cada aula e módulo um ensinamento diferente. Graças ao curso tive a experiência de ir pela minha primeira vez ao São Paulo Fashion Week assistir ao desfile da Movimento, e lá ganhei um convite para o  desfile do Lino Villaventura, o curso me proporcionou várias experiências e diferentes aprendizados.

  • desfileComo busca inspiração para desenvolver seus trabalhos?

A inspiração está em tudo, desde o seriado que eu gosto de assistir, das músicas e  pessoas que vejo na rua e principalmente na minha Mãe, creio que ela seja a minha maior fonte de inspiração, que me da força e apoio em tudo que vou fazer. Eu sempre a vi  trabalhando com muita força de vontade e fazendo de tudo para que tudo fique perfeito, assim aprendi que para ter sucesso na vida precisamos nos dedicar ao máximo e nos entregarmos de corpo e alma em tudo que fazemos, mesmo que seja buscar sapatos azuis em uma assessoria de imprensa.

Mas um trabalho não depende só de mim e das minhas ideias, mas sim da equipe inteira, tanto que no meu TCC procurei montar a melhor equipe com os melhores profissionais que conheço, desde amiga dona de loja ao fotógrafo, modelo e o responsável pela beleza, todos muito profissionais e dedicados ao que fazem.

  • O que pretende do seu futuro? Como o vê daqui para frente? A moda será sua profissão?
4u
Último editorial para a Romeu Mag.

Nada melhor do que um dia após o outro, assim que terminei o curso fui indicado para fazer produção para uma Stylist, Prya Fraise, que assim como eu começou aos 15 anos e já teve várias experiências em diversas áreas da moda, estou aprendendo muito e fazendo um job atrás do outro graças a oportunidade que tive de começar a trabalhar.Eu não sei como me vejo daqui pra frente, mas sei que estarei trabalhando com moda e fazendo o que amo. Tenho projetos de ir passar uma temporada na Europa no ano que vem e fazer mais alguns cursos por lá.

  • Como se sentiu ao ver seu trabalho numa das revistas de moda mais conceituadas no mundo, a Vogue Rússia?

Foi um choque, tanto pra mim quanto para a modelo5u (Thalita Becker) e o fotógrafo (Gustavo Chams), fiquei perplexo e muito feliz, o mérito não é só meu como de todos que trabalharam nesse editorial. Foi um grande acontecimento no começo da minha vida profissional e agradeço muito a Sigbol, a professora Léia Marinho, a Pimenta Roseh que me emprestou todas as peças do editorial e todos os outros profissionais que foram envolvidos nesse trabalho.

7u 6u

  • Qual conselho você dá para quem está começando um curso aqui?

Aproveitar o máximo as oportunidades que a Sigbol oferece, se dedicar e fazer tudo com paixão, profissionalismo e dedicação. Só tenho a agradecer a toda equipe da Sigbol e todas as pessoas que me ajudaram a tornar meu sonho uma realidade, meu sonho está acontecendo agora que finalmente estou trabalhando com o que amo!

Um imenso obrigado a Sigbol e a sua equipe! Abraços.♥

***

Emanuelle Cavalcante

Hoje, entrevistamos a ganhadora do 3º Projeto Sigbol, Emanuelle Cavalcante! Vamos conferir?

paineeeellll

Desde pequena, Emanuelle sempre gostou de moda. Pegava retalhos de tecidos da avó, costurava roupas para suas bonecas e desenhava muito. Quando realmente decidiu estudar corte e costura por volta dos seus 12 anos. E a partir daí investiu no seu futuro, e resolveu se aperfeiçoar aqui na Sigbol Fashion. Já que para ela é uma escola bastante divulgada, popular e antiga, com vários cursos especializados na área de Moda.
painelg

Para Emanuelle, moda é muito mais que vestir, está na percepção. Ela enxerga moda em tudo. Nas cores, na natureza, na cidade, na música. E busca inspiração naquilo que a faz bem naquele momento, conseguindo desenvolver a percepção.

painel 3

Pretende estar cada dia mais integrada dentro do mundo fashion. E aqui na Sigbol, teve uma oportunidade de mostrar o seu trabalho e conseguiu tirar proveito disso. Cabe a ela usar essa motivação que teve e continuar seguindo em frente. Com toda a certeza do mundo, a Moda será a sua profissão. E nós esperamos continuar auxiliando em seu caminho! ♥

***

Cynthia de Almeida Santos Nunes

Entrevistamos a ganhadora do 2º Projeto Sigbol, Cynthia Nunes, para sabermos um pouco mais sobre ela, seu trabalho, seus planos e expectativas para a área de criação de moda, e sua relação com a escola. Vamos conferir?

Foto 1

Cynthia nos contou que se interessa por artes desde pequena, e costumava desenhar de bonecas a roupas na infância. Trabalhou em uma loja de tecidos, fazendo criações para clientes, e tomou gosto pela moda. Chegou a fazer cursos artísticos, mas, mesmo assim, ainda sentia falta de conhecimentos técnicos e teóricos próprios à profissão. Procurou então a Sigbol para aprofundar seus estudos após conhecer a escola, através de revistas especializadas, e identificar-se com os profissionais, pois a atenção e conhecimentos da professora, aliados ao seu incentivo e motivação à turma, a surpreendem a cada aula!

Foto 2

Cynthia explica que, em seu curso, ainda não chegou no módulo de criação, mas sempre se inspira em arte, trabalhos manuais, natureza, ou até mesmo em uma música, livro ou revista, pois acredita que a criação depende também do estado de espírito do estilista no momento.

Foto 3

Para seu futuro, Cynthia ressalta que estará dentro da moda, sim, mas que até o presente momento não tem certeza se ficará em estilo ou não. Mas que sabe com certeza que a escola está e estará sempre abrindo portas para suas novas perspectivas e oportunidades. E esperamos continuar no seu caminho, auxiliando sempre em todos os novos e antigos caminhos, Cynthia!

 

***

Ian Oliveira de Almeida

E hoje entrevistamos nosso primeiro ganhador do Projeto Sigbol, Ian Oliveira de Almeida. Ele é aluno da unidade de Sorocaba, nos cursos da área de Costura e Modelagem Industrial, e nos contou um pouco sobre seu trabalho, suas inspirações e seus planos futuros. Vamos conferir?

Ian

Ian sempre se identificou com o mundo da moda e das artes, em geral, e aos dezoito começou a estudar a área de design, mudando para moda um ano depois, e escolheu a Sigbol para completar seus estudos pois a escola oferece cursos para todos, desde iniciantes a pessoas que já trabalham na área, e todos aliam conhecimentos teóricos aos práticos. Além disso, “toda a equipe da minha unidade é bem preparada e atenciosa”, ressalta Ian.

Projeto Sigbol IAN1

Ian diz que, para buscar inspiração, está sempre ligado em tudo que acontece não só na moda, mas também em outros movimentos, como arquitetura, cinema, música, etc., pois em todos eles pode achar referências para seu trabalho.

Projeto Sigbol IAN2

E sobre seu futuro? “Quero muito trabalhar com criação, modelagem ou alfaiataria, estou estudando muito para entrar no mercado.” Se depender de seu talento e dedicação, temos certeza que em breve estaremos acompanhando seus trabalhos profissionais, Ian!

***

Amanda Maragno

Entrevistamos a aluna Amanda Maragno. Ela nos contou onde busca inspiração para os seus desenhos, quais são os seus objetivos e por que escolheu a Sigbol Fashion como instituição de ensino.

port1

Amanda decidiu ingressar no mundo da moda, pois desde pequena sonhava em fazer o seu próprio desfile, em seu depoimento diz “Moda é criatividade, tudo aquilo que você imagina”. Porém buscar uma inspiração é uma tarefa difícil, já que milhões de ideias passam por sua mente. O que a ajuda na elaboração de seus desenhos é parar, pensar, respirar fundo e imaginar as peças prontas e estampadas.

Para Amanda, a Sigbol está contribuindo muito na sua formação e conhecimento, já é o seu terceiro curso, ela diz: “o núcleo de ensino é atencioso e o conteúdo é excelente!”.

port2port3 port4

Seus desenhos são muito coloridos, cheio de estampas lindas!

port5

Ela conta que pretende crescer na área e está decidida a ter a moda como profissão. Com certeza ela vai conseguir!!

port6

 

***

Ariane Moraes

Recebemos uma convidada especial que participou da aula de Produção de Moda neste sábado 01.02, Ariane Moraes. Já foi nossa aluna de Desenho de Moda Básico  e hoje sua participação será em nossa página de portfólio!

3

Ariane nos conta que desde os seus 5 aninhos de idade já tinha o ‘dom’ para a moda, mas foi com 8 para 9 anos que começou a esboçar croquis e desenvolver um olhar mais observador em relação as coisas a sua volta.

7

9

O que a atrai bastante, são os rostos. Mas não se limita ao mundo da moda quando procura por inspirações, busca na arte, arquitetura, culturas, em paisagens entre outros lugares.

8

Planeja no futuro ser uma estilista renomada, e sempre atender as necessidades de seus clientes. Segundo Ariane essa é uma das maiores recompensas, ter o seu trabalho sendo elogiado e reconhecido é uma satisfação que não tem tamanho.

1

Ariane acredita que tudo na vida independente de você saber ou não, é questão de aprimorar, cada vez mais. “Essa é a sabedoria que devemos ter, o curso de Desenho de Moda Básico da Sigbol Fashion me aprimorou muito e fez com que eu soltasse mais o traço, conta a profissional. “

10

S

Hoje Ariane é estilista e ilustradora de moda, e realiza trabalhos muito lindos e caprichados. Confiram o vídeo de uma de suas criações, produzido com Tatá Leon, professora do curso Produção de Moda & Styling da Sigbol Fashion.

6 5 4

***

Larissa Souza Araújo

foto 6

Nossa querida aluna Larissa, terminou o curso de Especialização em Desenho de Moda e antes de ir embora, nos contou como foi a trajetória dela.

foto 4

Larissa desenha desde os 7 anos de idade e se interessava bastante por desenhos de figuras humanas, fadas e princesas. Mas não tinha ideia do que queria fazer, nem pensava em algo relacionado com moda. Com 16 anos, começou o curso de Desenho de Moda Básico na unidade Sigbol Fashion, na época no Brás e depois de concluir o curso, ficou um ano fora de São Paulo, estava em Petrolina – PE e quando voltou, resolveu fazer Especialização em Desenho de Moda, dessa vez na unidade da Vila Mariana. Larissa me disse que quem iniciou essa história foi sua mãe, ela que a incentivou a estudar na Sigbol.

foto 16

E por que a Sigbol? Larissa diz ser uma instituição de qualidade, onde ela pôde ter a confiança de se entregar de corpo e alma e aproveitar tudo o que temos para ensinar, sem medo de errar. Foi assim que Larissa investiu em nós!

foto 18

Não está trabalhando no momento, pois irá voltar para Petrolina, onde já trabalhou de Estilista e acrescentou: “Trabalhar com o que gostamos é a melhor escolha que fazemos!”

foto 13

***

Priscila Duek

1

Fizemos uma entrevista com nossa aluna Priscila Duek da unidade Sigbol Tatuapé e ela contou pra gente um pouquinho de sua vida…

Antes de ingressar no ramo da moda, Priscila Duek trabalhava numa empresa de contabilidade, ela é formada em Ciências Contábeis. Mas certo dia, teve uma crise de cinco minutos, saiu do emprego, conversou com amigos, procurando indicações e se jogou na internet em busca de um curso de moda, afinal o assunto a cerca desde pequena, está no sangue.  Depois de pensar bastante, escolheu os cursos de Desenho de Moda e Corte& Costura da Sigbol Fashion para iniciar sua jornada, na unidade do Tatuapé que é a unidade Sigbol mais próxima à sua casa. Ela conta que escolheu nossos cursos por se identificar com nosso jeito de fazer a moda e pretende ingressar no mercado, seguindo os passos de seu tio Tufi Duek e sua prima Carina Duek.

4

Ainda não está trabalhando no ramo da moda, pois depois que resolveu mudar completamente sua vida, largou seu antigo emprego e só tem se dedicado aos seus cursos de Desenho de Moda e Corte & Costura.

3

Priscila Duek ainda não deu a notícia sobre seu primeiro passo rumo ao mercado de moda à família que além de grande, tem mil compromissos e por isto, ainda não conseguiram se encontrar, mas temos certeza de que ficarão super felizes e orgulhosos ao saberem que foram ótimas fontes de inspiração para essa incrível e corajosa mudança de vida!! Logo logo, ela estará no mercado junto com eles e com certeza irá arrasar!!!

2

***

Sofia Farias Valentim

Sofia tem 13 anos, porém já sabe muito bem o que quer para seu futuro. Aluna da Sigbol Fashion, Sofia faz o curso de Malharia & Moletom. Seu grande sonho é ser estilista.

DSC_0205

Apesar de nunca ter feito o curso de Desenho de Moda para aprender técnicas avançadas, ela já tem noção do que uma estilista precisa para continuar nesse ramo.

foto 1

Seus desenhos são muito criativos e coloridos. As formas chamam atenção por serem fora do comum, parece que ela sabe mesmo o que está fazendo…

DSC_0207

Além de tudo, nossa pequena Sofia já tem seu nome artístico. Em todos os seus desenhos ela assina com o codinome “Soufie”. Ela tem personalidade ou não?

DSC_0206

Sofia pode ser pequena, mas a determinação dela já é de gente grande!!!

***

Camilla Valadão

Camilla Valadão tem 25 anos e acabou de concluir seu curso de Produção de Moda na Sigbol Fashion. Seu trabalho de conclusão de curso (TCC) impressionou a todos os professores e coordenadores da escola, por isso ganhou uma atenção especial e mostraremos um pouco mais da trajetória deste incrível trabalho.

imagem 1

O processo durou de 2 a 3 meses, e desde seu início, Camilla seguiu a mesma linha de pensamento para o propósito de seu trabalho. O tema foi titulado como “Avesso”, e a ideia surgiu de uma música de seu gosto pessoal, chamada “O que eu não conheço” de Jorge Vercillo.

“O mais importante do bordado é o AVESSO
O mais importante em mim é o que eu não conheço
O que dentro de mim aparece, é o que dentro de mim Deus tece.”

imagem 3Ainda indecisa sobre sua carreira, ela entrou na Sigbol Fashion procurando seu lugar no mercado de trabalho. Antes de Produção de Moda, ela fez o curso de Personal Stylist, e agora está finalizando o curso de Visual Merchandising &Vitrine.

DSC_0048

Ela decidiu encontrar uma maneira fácil, prática e criativa de se vestir, então criou uma coleção onde tudo pode ser usado do avesso. Este trabalho conta com participação ativa de seus três irmãos, sendo os modelos, e de uma amiga designer que tirou todas as fotos.

DSC_0049

A repercussão de seu TCC a deixou muito contente com todas as críticas positivas de seus professores. Além de tudo isso, é gratificante quando um trabalho seu é reconhecido por profissionais da área.

DSC_0053

Camilla já sabe que pode continuar nesse ramo, contribuindo com sua criatividade.

***

Caroline Klas Merlino

Caroline começou a se interessar por moda com os cursos da Sigbol, ela já fez os cursos como, Básico e Especialização em Corte & Costura, Modelagem Industrial e Desenho na Sigbol. E atualmente está cursando um bacharelado em moda. Esta camisa com estampa de onça foi seu projeto do TCC no curso de Modelagem Industrial.

01

Carol começou o curso por hobbie, mas hoje entrou de cabeça no mercado da moda e não pretende mais sair. Já até confecciona seus próprios vestidos.

02

Seu pai gostaria que fizesse o curso de Direito na faculdade, mas Caroline não abriu mão de suas vontades e teve a atitude de levar a moda adiante. Seu sonho é ter uma loja que venderá principalmente vestidos, que é seu forte.

03

Carol tem como ícone da moda Lorenzo Merlino e descobriu, após fazer um curso onde ele estava presente, que são primos distantes. Coincidência ou não, ela provavelmente está na área certa… Tanto que divulga os seus trabalhos em redes sociais e interage com pessoas que também se interessam.

Ela não parou por ai, ela também tem um blog de moda, visitem!

***

Carolina Ribeiro Coelho

Carolina faz o curso de Malharia & Moletom na Sigbol Fashion, e já está desenvolvendo suas próprias peças.

foto 1

Carol é advogada, mas diz que leva a Malharia & Moletom como ‘hobbie’ e que consegue se desligar um pouco da correria do dia-a-dia com a costura.

Ela até comprou uma máquina de costura caseira, para não deixar de praticar e melhorar cada vez mais.

foto 2

Esse casaco que ela mesma confeccionou ficou tão lindo que ela tirou fotos, postou no instagram e as amigas amaram e já queriam fazer encomendas. Carol diz que o acabamento ainda deixa a desejar, mas amou a experiência de poder confeccionar uma peça para ela mesma. E não achou má ideia começar a fazer peças para as amigas também, mas disse que precisa se aperfeiçoar mais no acabamento. Nada que a prática não resolva.

***

Renata Ruffa Stefaneli

Renata entrou na Sigbol Fashion para fazer o curso básico de costura e assim que terminou já se matriculou no curso de especialização, pois a paixão pela costura tinha apenas começado.

montagem 1

Ela teve interesse em continuar no curso para se aprofundar nas técnicas de modelagem, confecção e acabamento das peças.

Ela já desenvolveu peças para a irmã e para o pai dela. Isso trouxe muita satisfação, pois ela entendia um pouco de costura, mas sua principal necessidade era aprender a desenvolver a modelagem plana.

montagem 2

“O bacana do curso de especialização é que aprendemos a fazer roupas forradas, com modelagens diferentes e a última peça do curso é um vestido de noiva!”

No curso de especialização, a confecção do vestido de noiva é opcional, por conta dos gastos com matéria prima, que geralmente é alto. Mas isso não diminuiu a vontade da Renata de confecciona-lo.

montagem 3

“Se eu conseguir alguém que queira, que precise, que não tiver condições de pagar por um vestido de noiva. Estou disposta a doar o meu trabalho!”

Por isso deixo uma dica! Quem for casar e não tiver condições, entre em contato com a Sigbol! A mão de obra pode ser “na faixa”!

***

Maria José Giani

Nascida em São Paulo, viveu no interior na cidade de Registro, nessa época, até os 15 anos, não se interessando por moda. Quando voltou para São Paulo cursou psicologia e trabalhou no setor de RH de várias empresas por 23 anos. Em seguida, veio o seu primeiro contato mais relevante com o mundo da moda, quando abriu uma facção de malharia que produzia peças para uma rede de lojas para silhueta Plus Size. Maria José conta que nesta época, fazia pesquisas de tendências, buscava materiais, cores e desenvolvia as peças juntamente com o cliente, e, inspirada no que se lançava lá fora, ela adaptava as peças à nossa realidade, e produzia com tecidos adequados ao nosso clima. Na mesma época, ela abriu também um lava rápido em Shopping, e passou a cuidar dos dois negócios ao mesmo tempo.

1

Maria José, hoje em dia, é dona de casa e conta que deixou o trabalho para acompanhar a rotina do marido, que viaja duas vezes por ano. Ela procurou o curso de corte e costura básico devido a ausência de roupas adequadas para a sua silhueta, que é triangular:

 “mesmo comprando para ajustar o resultado não era satisfatório”

Maria José conta que em suas viagens pelo exterior, ela encontra peças adequadas à sua silhueta com mais facilidade e sente que o Brasil carece deste tipo de adequação na modelagem. Outro motivo que levou Maria José a procurar o curso foi o design das peças, ela conta que não gosta das roupas que encontra para quem tem seus “50 e poucos anos”.  Para ela, as peças vendidas no Brasil para quem está nesta faixa etária pecam pelo excesso de sobriedade.

2

“Não se brinca com o design, usando texturas e design mais modernos”

Descontraída, Maria José descreve um dos looks que montará com o vestido da foto:

“Usarei com uma jaqueta de couro e lenço de seda com renda gripiure, ambos pretos”

Além de talentosa ela tem bom gosto, concordam?

***

Priscilla da Silva Santos

Priscilla é nova, mas não a julgue pela idade! Com apenas 19 anos, já sabe muito bem o que quer e sua trajetória mostra isso:

“Desde os 4 anos de idade ,costumava cortar roupinhas para boneca,com retalhos das roupas que minha avó costurava,começou como uma brincadeira, fazia desfiles de moda em casa com as minhas amigas e fui me identificando .Com 16 anos percebi que era isso que eu queria fazer,comecei a estudar e pesquisar sobre o ramo da moda , achei muito incrível, que isso realmente poderia se tornar em uma profissão, hoje em dia realizo alguns trabalhos, mas para mim é como unir hobby e trabalho, quando fazemos o que gostamos nunca trabalhamos,  agora estou finalizando o curso e pretendo começar a faculdade de moda e assim seguir nesse ramo.”

montagem

Já fez o curso de desenho de moda básico na Sigbol Fashion e agora está cursando especialização em desenho de moda.

Seus estudos e busca por técnicas diferenciadas de confecção a fez procurar um curso de chapéu onde ela fez seu primeiro projeto.

“Sempre admirei alta costura e assistia filmes de época, achava incrível os chapéus, e a forma que as mulheres se portavam elegantes com eles, assisti o filme da Coco Channel e me identifiquei demais ,e percebi que aqui no Brasil ainda está em crescimento esse seguimento e que seria muito desafiante fazer chapéus ,então fui atrás de alguém com conhecimento na área para me ajudar, e o meu primeiro chapéu foi o The Blue Classic Hat.”

Sua dedicação e capricho podem ser vistas em um vídeo que mostra muito bem seu processo de desenvolvimento e produção.

Aluna da unidade Santo André.

***

Elma Zoboli

Elma Zoboli procurou o curso da Sigbol Fashion vontade de aprender, pois tudo o que ela conseguia aprender autodidaticamente, ela aprendia. Mas a parte de modelagem e confecção ela resolveu pedir uma ajuda à Sigbol!

“Venho de uma família de costureiras e professoras de corte e costura: minha mãe e minha tia. Eu sempre gostei de trabalhos manuais, arte e artesanato. Desde criança faço peças em crochê e tricô. Há muito tempo costuro a mão, fazendo acabamentos e costumização de roupas. Mas, não sabia modelar, cortar e manejar a máquina de costura e tinha muita vontade de aprender. Por isso, procurei a Sigbol.”

Nas imagens a seguir registramos suas últimas peças confeccionadas, um vestido tipo chemisier, uma saia reta e uma blusa com recorte.

1 - vestido

Vestido chemisier: chemisier, com abertura frontal com botões trabalhados, tamanho 42. A peça foi trabalhada em dois tipos de tecidos, fazendo uma composição de algodão liso com viscose de seda estampada.

Tecido utilizado: algodão e viscose de seda.

Elma nos disse por que gostou tanto da Sigbol:

“Por ser um método de fácil aprendizado, de qualidade, tradição e que, trabalhando com gabaritos, permite adequar a roupa às peculiaridades de cada um, ou seja, possibilita personalizar a modelagem gabaritada.”

Ela também nos deixou seu depoimento sobre a escola:

“Um escola séria, compromissada com o ensino focado no estudante e suas necessidades. A unidade de SBCampo é muito acolhedora e a professora, com carinho, atenção e competência, orienta cada um de nós no seu ritmo para um aprendizado personalizado e com liberdade para a criação. Estou feliz e satisfeita por ter escolhido a Sigbol.”

2 - saia e blusa

Saia reta: saia reta, com cós, tamanho 42, em linho roxo e aplicação de renda na mesma cor, cobrindo toda a peça.

Tecido utilizado: linho e renda.

Blusa com recorte: blusa com recorte e zíper embutido nas costas, tamanho 42, em linho cor de ferrugem.

Tecido utilizado: linho trabalhado.

Aluna da unidade São Bernardo do Campo.

***

Ana Paula Rodrigues Martinez

Ana Paula procurou o curso da Sigbol Fashion pelo seu encantamento com as roupas, as modelagens e a curiosidade pelo processo de confecção. Mas ainda tinha um detalhe nas roupas de loja que a incomodava, por conta da numeração tabelada:

“(…) as roupas compradas prontas, sempre tinham que ajustar aqui ou ali e daí veio a vontade de fazer as minhas próprias peças. Não posso deixar de falar que estava cansada de procurar costureiras, que no começo fazem o que a gente pede, mas depois que conquistam as clientes, fazem o que elas querem.”

Nas imagens a seguir registramos suas últimas peças confeccionadas, uma camisa feminina, uma saia envelope e uma saia evasê com 7 panos.

camisa 1 ok

Camisa feminina: Camisa com abertura e recorte na frente e peplum, gola militar (gola e punhos com babado).

Tecido utilizado: Laise branco.

Descrição: Camisa com abertura, recorte e peplum, gola militar, sendo gola e punhos com babado, botões forrados como o mesmo tecido e tamanho 38.

Uma dica da Ana para quem não conhece os cursos de modelagem da Sigbol Fashion:

“Muito interessante, instigante e com gosto de quero mais, quero aprender mais. Pois é mágico, hoje, olhar pra uma peça na loja e ter a noção e em muitas vezes saber como são confeccionadas.”

Ana também deixou seu depoimento sobre a escola:

“É uma ótima escola, não deixa a desejar, tira todas as dúvidas, faz gosto ser aluno da Sigbol. A escola não é a parede, a mesa, ou a cadeira… Mas sim a equipe que a faz se tornar maravilhosa. Professores, gerência, recepção, limpeza, tudo!

A EQUIPE SIGBOL sabe como cativar os alunos, trabalha pra manter os alunos, ouve, compreende e trabalha junto às condições dos alunos. A equipe é 10.”

saias ok

Saia verde: Envelope.

Tecido utilizado: Algodão.

Descrição: Saia longa envelope, com cós anatômico, com barrado bordado (flores e folhas), forro em cetim, tamanho 38.

Saia estampada: Evasê com 7 panos e gomos de um lado.

Tecido utilizado: Chalis de viscose (estampado).

Descrição: Saia longa evasê com 7 panos e gomos de um lado, com cós anatômico, zíper invisível, tamanho 38.

Aluna da unidade São Bernardo do Campo.

***

5 opiniões sobre “Portfólio”

  1. Parabéns pela iniciativa. Ótimo espaço para divulgação do trabalho dos alunos!! Sou ex-aluna e sei o quanto isso é importante, não só pela divulgação mas também em termos de motivação.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s