Ano novo chinês 2019: O ano do porco

Aqui no Brasil comemoramos a entrada do novo ano em janeiro, no entanto, em outros países essa data pode ser diferente. É o caso da China, que comemora o ritual de passagem de acordo com o calendário lunar, e celebraram no dia 05 de fevereiro o ano do porco.

Assim como no Brasil, há várias tradições na China antes e durante a passagem do ano, como por exemplo, fazer a limpeza de seus lares para afastar os maus espíritos algumas semanas antes e reservarem exclusivamente o primeiro dia do ano para visitarem parentes e amigos.

Apesar das culturas serem distintas, é inegável que as tradições de ano novo carregam muito mais do que apenas crendices ou ensinamentos que nos foram passados pelos nossos ancestrais, elas trazem acima de tudo esperança, renovação e inspiração.

Não é a toa que várias marcas de peso do mercado da moda, usem o tema como inspiração para coleções que dão o que falar. É o caso da Gucci, Dolce & Gabanna e Longchamp. Ainda mais quando o ano promete entre muitas coisas resoluções de pendências, abundância e principalmente riqueza.

Camiseta Dolce & Gabanna

Coleção cápsula Gucci

Bolsa da Longchamp

E quem quer aproveitar e se aprofundar mais sobre o assunto pode conhecer um pouco mais da cultura chinesa, na festa em comemoração a entrada do ano do porco no bairro da Liberdade em São Paulo que ocorrerá no próximo sábado e domingo, dia 9 e 10 de fevereiro.

Por Karine Holzmann, professora do Núcleo de Criação Sigbol Fashion

Referência: 1, 2 e 3

Tecidos com elastano: como cortar?

Tecidos que possuem elastano devem ser cortados seguindo algumas regrinhas. Entre elas, a organização da mesa, ou setor de trabalho, equipamentos adequados como e a habilidade do cortador.

Alguns tecidos, como a malha, devem ser manuseados o menos possível na etapa de corte para evitar que estique e deforme o tecido.

Aqui na Sigbol Fashion,  você aprende o  passo a passo da costura com o método exclusivo, onde irá adquirir conhecimentos sobre o manuseio de máquinas industriais e os cortes mais usados nas linhas de produção.

*

Por Paola Sanguin, professora do núcleo de criação da Sigbol Fashion

Referências: 1, 2, 3.

Beneficiamento Têxtil

Beneficiamento têxtil é setor responsável por enobrecer os tecidos utilizados na indústria.

Ele se divide em primário, secundário e terciário. Consistindo em operações realizadas para que o material tenha condições de receber tintura e acabamento final, como colorir o tecido. As operações também melhoras as características do tecido, como brilho e toque. Para isso, são utilizados produtos químicos que atuam como corretores de pH e auxiliam na fixação. Outras substâncias são utilizadas para a prevenção de problemas ocorridos durante o processo de beneficiamento.

A água é a principal matéria-prima do processo ,e deficiências em sua qualidade podem causar problemas, como contaminações. A principais contaminações ocorrem por conta do ferro, cobre, manganês e cálcio. Eles podem causar manchas e problemas de fixação dos corantes.

O beneficiamento têxtil é composto por três tipos de processos:

Esgotamento: Nele o tecido é colocado em um banho e entra em equilíbrio com uma solução de corante, após ter absorvido ou fixado a maior quantidade possível, o tecido é lavado para eliminar os excessos. Os equipamentos utilizados são: barca, jigger, turbo e jets.

Contínuo: Aqui o tecido passa várias vezes pelo banho e em seguida é espremido uniformemente, depois a cor é fixada por meio de calor seco: ar quente (pad-dry, pad-thermofix), e calor úmido: vapor (pad-steam).

Semi-contínuo: O tecido é impregnado durante o banho de tingimento, depois é necessário que fique em repouso por algumas horas para que ocorra a reação do corante e por último é realizada a lavagem.

As peças passam a ter maior valor agregado após a realização do beneficiamento, o que torna o processo muito importante para a indústria e o mercado da moda.

*

Por Paola Sanguin, professora do núcleo de criação da Sigbol Fashion.

Referências: 1, 2, 3, 4, 5, 6, 7.

Doudone, a tendência masculina para a temporada!

Aos poucos estão surgindo as tendências para a próxima estação deste ano, e uma delas vai estar presente no guarda-roupa masculino!

A jaqueta de gomos acolchoados, o famoso jaquetão de nylon ou simplesmente DOUDONE vem ganhando as ruas e passarelas há um tempo, mas na temporada masculina de outono-inverno 2019/20 virou tendência!

Com o conforto em alta, além de ser um coringa em combinações esportivas, o doudone pode ser usado com peças em alfaiataria, saias, vestidos, saltos! Não deixando ninguém de fora.

*

Por Mayara Behlau, professora do Núcleo de Criação da Sigbol Fashion.

Referências: 1, 2 e 3

Como funciona a estamparia digital?

O processo de estamparia digital é todo informatizado. O desenho é transportado diretamente para o tecido, sem a utilização de quadros ou cilindros.

23

Todo o processo de impressão é feito por meio de um programa têxtil conectado a uma impressora industrial. Facilitando o processo de desenvolvimento, onde os moldes ou tecidos já saem com a estampa localizada ou corrida.

Se o molde já estiver pronto melhor, pois assim é possível confeccionar peças evitando desperdícios.

Em nosso curso de  Desenho de Moda no Corel Draw, você aprende a desenvolver estampas bem criativas. Saiba mais em nosso site.

*

Por Paola Sanguin, professora do núcleo de criação da Sigbol Fashion

Referências: 1, 2, 3, 4, 5.