História do material de desenho

Já se perguntou como as pessoas desenhavam antigamente? Não existia lápis, régua e muito menos borracha. Caso houvesse rasura, ele tinha que ser refeito, ou dependendo do efeito, poderia até ser aproveitado.

Tudo sempre começa na pré-história, os homens da caverna desenhavam com o dedo e aproveitavam o sangue dos animais que restavam da caça. Normalmente contando a história do dia a dia.

foto 1

Então descobriram uma forma mais firme para manter o desenho: esculpir. Conforme os anos, novas tribos foram surgindo perante as grandes descobertas: Egípcios, Mesopotâmicos e Chineses desenvolveram cada qual um jeito diferente de desenhar, caracterizando cada qual seu povo e representando seus Deuses.

Mas o algo realmente importante aconteceu para todas as formas de desenho: A invenção do papel, criado pelos chineses há mais de três mil anos, feito com seda. Enquanto mantinham o papel em segredo, outros povos utilizavam diferentes tipos de materiais como blocos de barro ou argila, couro, tecidos, folhas de palmeira, pedras, ossos de baleia, papiro e até mesmo bambu.

Foto

Os apetrechos utilizados para fazer o desenho também foram bem diferentes até que se inventasse a tão comum caneta em esferográfica, em 1938. Depois dos dedos, os babilônicos utilizavam pedaços de madeira ou osso para desenhar em tábuas de argila. Então, com a invenção do papiro, os egípcios molhavam a madeira e ossos em tinta vegetal.

Em seguida veio as famosas penas e o carvão que já era utilizado pelo homem das cavernas. As penas, no século XVIII, passaram a ser de metal e em 1884, Lewis E. Watterman descobriu a caneta tinteiro.

material ultimo

E por aí foi se desenvolvendo outros tipos de materiais e técnicas de pintura até chegar nos dias atuais, que são inúmeras opções.

Se você tem vontade de aprender essas técnicas de colorir, é fácil! Basta conhecer o nosso curso de Especialização em Desenho de Moda e se aventurar nos materiais.

*

Por Paola Sanguin, professora do núcleo de criação da Sigbol Fashion

Referências: Apostila de Desenho de Moda Sigbol Fashion, Manual de História da Moda Sigbol Fashion, 12, 3.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s