A diferença das anquinhas (crinolina).

Foto 1

Assim como os eletrônicos vão mudando, a moda também tem sua história. Apesar das anquinhas terem o mesmo objetivo por baixo dos panos, com o tempo ela foi ficando cada vez mais leve.

Ao final do séc. XIX, a silhueta feminina foi moldada por arames e enchimentos. Os vestidos eram tão grandes que passaram a se tornar um problema devido ao peso. Foi então que se tornou necessário um suporte para aguentar o exagero de tecidos na parte de trás.

Foto 2

Na época era utilizado até seis anáguas. Pensa no desconforto da moça e no trabalhão que era vestir o look do dia ou levantar todos aqueles tecidos para ir ao toilette… Sozinha não dava muito certo.

Em 1860, foram criadas armações de arcos, em aço ou barbatanas e as de crinolina (crinolinette em francês, um tecido resistente feito de crina e outras fibras), para facilitar os movimentos dando mais “liberdade” para as mulheres da época.

Foto 3

Foi então que conforme o tempo ia se passando, a crinolina ia ficando cada vez menor, depois dos arcos, a armação passou a se concentrar apenas na parte de trás. Já em 1870, ela passou a ser reta na parte da frente e com várias almofadinhas no verso, abaixo da cintura sustentando todo o tecido da saia, mudando seu nome para anquinha, passou a aparecer com drapeados na parte de trás da saia e presas com fitas. Por volta de 1880, surgiu uma versão para garantir muito mais conforto, conhecida como “novo fantasma” possuía uma estrutura dobrável que servia como suporte para a saia.

Foto 4

Atualmente elas ganharam destaques em alguns desfiles inspirados na história, só que de forma mais sutil. Até porque na rua é bem mais difícil de se ver. Mas vamos combinar que não há nada mais confortável que aquele pijaminha super fofo e até mesmo furado e larguinho pra ficar em casa.

Foto 5

*

Por Paola Sanguin, professora do Núcleo de Criação Sigbol Fashion.

Referencias: 123, 4.

Manual de História da Moda Sigbol Fashion.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s